Ceará tem 73 casos de crianças e adolescentes com síndrome rara associada ao coronavirus

Você deve ler

Embora manifestam, em geral, sintomas leves da Covid-19, algumas crianças e adolescentes têm registrado Síndrome Inflamatória Multissistêmica Pediátrica (SIM-P) e são monitoradas pelo Ministério da Saúde. Até 25 de dezembro de 2021, foram notificados, em todo o Brasil, 1.434 casos foram confirmados para SIM-P no Brasil e outros 238 seguem em investigação. Dos casos confirmados, no acumulado entre 2020 e 2021, 86 evoluíram para óbito (letalidade de 6%), 1.196 tiveram alta hospitalar e 152 estão com desfecho em aberto. No Ceará, foram 73 casos da síndrome, com três óbitos.
“A vigilância da SIM-P é necessária por ter relação com a covid-19 e torna-se importante para avaliar o impacto da infecção pelo SARS-CoV-2 na população pediátrica”, diz o Boletim do Ministério da Saúde.
A febre é o sintoma mais comum entre os relatados, mas ainda há outros como os gastrointestinais (dor abdominal, diarreia, náuseas ou vômitos) e que estavam presentes em cerca de 83,5% dos casos, 54,6% dos pacientes apresentavam manchas vermelhas na pele, 38,5% apresentaram conjuntivite, 58,9% desenvolveram alterações cardíacas, 35,1% tiveram hipotensão arterial ou choque e 47,4% dos indivíduos apresentaram alterações neurológicas como cefaleia, irritabilidade, confusão mental ou convulsão.
Via: Lindomar Rodrigues
Foto: Divulgação
spot_img

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, escreva seu comentário!
Nome

GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ
spot_img
spot_img
PUBLICIDADES
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img
spot_img

Novo site da Rádio tribuna de Iguatu

Ouça Nossa Rádio No Rádios Net

Anuncie a sua Empresa Aqui

Anuncie a sua empresa Aqui

Baixe Nosso APP No Play Store

Arquivos do Site

Postagens Relacionadas

spot_img