Vacina da Pfizer: Ceará segue avançando na campanha de vacinação contra Covid-19 ~ TribunaIguatu.com

PROGRAMA A NOTICIA DO CEARÁ

Para Ver Mais Vídeos No Nosso Site CLIK AQUI E VEJA MAIS

terça-feira, 4 de maio de 2021

Vacina da Pfizer: Ceará segue avançando na campanha de vacinação contra Covid-19

 


O Ceará continua avançando na vacinação contra Covid-19. Todos os 184 municípios vêm ampliando seus esforços com o objetivo de cumprir as metas estabelecidas em função do Plano Estadual de Imunização e de acordo com o quantitativo de doses disponibilizadas pelo Ministério da Saúde.

O Estado precisa iniciar a 3ª fase de vacinação contra a doença. Entretanto, isso só poderá ser feito com a finalização da vacinação dos grupos prioritários definidos nas fases anteriores e pactuados na Comissão Intergestora Bipartite (CIB) do Ceará.

Nesta semana, o Ceará poderá seguir para o terceiro momento de vacinação contra a Covid-19, no qual estão incluídas grávidas, puérperas, pessoas com deficiência permanente e com comorbidades. Esta fase será dividida em duas etapas (ver abaixo), seguindo ordem de condições definidas em reunião da CIB do Ceará nessa segunda-feira (3), como doenças crônicas e idade, por exemplo.

A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) destaca que, para ser enquadrado nesse grupo – e, portanto, ser vacinado –, o cidadão deverá apresentar atestado, prescrição ou relatório médico especificando a comorbidade que possui. Com o objetivo de padronizar e garantir transparência, a Sesa orienta que os usuários do Sistema Único de Saúde procurem a Unidade Básica de Saúde mais próxima ou seu médico assistente (seja da rede pública ou privada).

Desde o início da pandemia, a pasta se pauta pela transparência e legitimidade de todas as ações desenvolvidas, incluindo a vacinação. Por isso, a listagem dos pacientes acompanhados nos ambulatórios do Centro Integrado de Diabetes e Hipertensão (CIDH) e Hospital Dr. Carlos Alberto Studart Gomes (HM) foi encaminhada para as Superintendências Regionais de Saúde para facilitar a validação com os respectivos municípios.

>> Cadastro Estadual de Vacinação: população incluída na 3ª fase deve especificar comorbidade

Caso apresente sintomas gripais ou de Covid-19, a pasta reforça que o paciente aguarde 28 dias após o desaparecimento das manifestações antes da imunização. A Sesa orienta, ainda, que o cidadão não deixe de se vacinar caso haja atraso no envio das segundas doses, por parte do Ministério da Saúde, nem que reinicie o esquema vacinal.

Pfizer

A chegada do imunizante da Pfizer, terceiro a ser aplicado no Ceará, requer uma logística específica e deve ser guardado a baixas temperaturas. Em virtude disto, esta vacina será aplicada somente na Capital, seguindo a recomendação do Ministério da Saúde (MS).

Ao todo, 17.550 doses chegaram ao Ceará no fim da tarde dessa segunda-feira (3). O imunizante deverá ser disponibilizado como primeira dose para pessoas do grupo da 3ª fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19 em Fortaleza, cadastrados na plataforma Saúde Digital. Serão duas doses, com intervalo de 12 semanas entre a primeira e a segunda, conforme orientação do MS.

As vacinas da Pfizer necessitam de temperaturas negativas para seu armazenamento entre -25ºC e -15ºC, podendo permanecer por até 14 dias nessas condições. O ultrafreezer da Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadim) da Sesa tem capacidade para conservar a uma temperatura de 70 graus negativos.

#Avanço #Covid-19 #Plano Estadual De Imunização #PNI #Sesa #Vacinação

Assessoria de Comunicação da Sesa - Texto
Francisco Oliveira - Artes gráficas

0 comentários:

Postar um comentário