Famílias cearenses começam a receber o vale gás social ~ TribunaIguatu.com

PROGRAMA TRIBUNA SHOW

allowfullscreen="true">allow="autoplay; clipboard-write; encrypted-media; picture-in-picture; web-share" allowfullscreen="true">

quarta-feira, 14 de abril de 2021

Famílias cearenses começam a receber o vale gás social

 


2.604 famílias residentes em Aquiraz começaram a receber, nesta terça-feira (13), os tíquetes do Vale Gás Social, benefício concedido pelo Governo do Ceará, por meio da Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS), com o objetivo de apoiar as famílias cearenses que estão em situação de vulnerabilidade social gerada pela pandemia da Covid-19. Assim como Aquiraz, diversos municípios já estão distribuindo os tíquetes à população. Cidades como Uruoca, Nova Russas, Palmácia, Aiuaba e Jucás estão entre as cidades que já iniciaram.

Apoio que chegou em boa hora para Antônia Emiliana de Brito, de 68 anos, que esteve na manhã desta terça-feira em um dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), em Aquiraz. “Eu já tinha cozinhado a lenha para fazer o meu café, esquentar o meu leite. Fiquei muito agradecida, chegou numa boa hora. Porque nessa pandemia nós estamos passando dificuldade na vida. Graças a Deus, hoje chegou o momento de receber esse presente”, comemora.

Além da família de Emiliana, o auxílio também vai contemplar mais de 255 mil famílias de baixa renda, que sejam beneficiárias do Cartão Mais Infância Ceará; inseridas no Cadastro Único (CadÚnico) e atendidas pelo Programa Bolsa Família, com renda individual igual ou inferior a R$ 89,34, além dos jovens inseridos no Programa Superação.

Distribuição

Para alcançar quem mais precisa, o Governo do Ceará entregou, no dia 7 de abril, o primeiro lote do Vale Gás Social, com cerca de 130.314 tíquetes. A entrega dos tíquetes aos 184 municípios cearenses é coordenada pela SPS. Já a distribuição às famílias é de responsabilidade das prefeituras.

“Realizamos a entrega do primeiro lote às prefeituras e o retorno tem sido muito positivo. Municípios, a exemplo do ano passado, estão se esforçando em fazer esse benefício chegar o mais rápido possível aos beneficiários. Temos casos de cidades em que todos os tíquetes do primeiro lote já foram distribuídos. Isso mostra o comprometimento das gestões municipais com a situação da população mais vulnerável”, destaca a titular da SPS, Socorro França. A secretária observa que o órgão está cuidando de todo o trâmite para realizar a entrega do segundo lote no mês de maio.

De acordo com a primeira-dama de Aquiraz e secretária do Trabalho e Assistência Social, Carla Ibiapina, a distribuição dos tíquetes no município está sendo feita por meio dos CRAS para facilitar o acesso aos beneficiários. E para quem mora em localidades de difícil acessibilidade e deslocamento, a entrega será feita em casa. “Receber o Vale Gás nesse momento ajuda muito no orçamento familiar. É de extrema importância essa ajuda e suporte que o Governo do Estado oferta às pessoas. Essa atenção faz com que as pessoas sintam-se acolhidas e bem cuidadas”, garante Carla.

Maria José André, de 48 anos, moradora da localidade do Camará, conhece o alívio que o auxílio traz para o orçamento familiar. Ela já tinha sido contemplada com o Vale Gás Social em 2020. “Não tenho palavras para lhe dizer. Isso ajuda até demais. O gás está muito caro. Às vezes a gente tem que optar pelo comer ou pelo gás”, lembra.

Em Uruoca, os 319 tíquetes entregues à prefeitura já foram todos distribuídos. “Recebemos os tíquetes do Vale Gás, na quinta-feira. No dia seguinte e no sábado, realizamos a distribuição nos distritos mais distantes. No domingo, entregamos os tíquetes às famílias carentes da sede do Município”, explica o secretário de Desenvolvimento Social, Trabalho, Empreendedorismo e Renda, de Uruoca, Laércio Gomes. E acrescenta: “O apoio e a expertise dos técnicos da Secretaria foram muito importantes para fazer as entregas com maior rapidez”.

Apoio às famílias cearenses

Anunciado em 2020, o Vale Gás Social é mais uma importante medida adotada pelo Governo do Ceará para minimizar os impactos sociais e econômicos causados pela crise sanitária da Covid-19. Por meio da parceria com a empresa Nacional Gás, que vende os botijões a preço de custo para o Estado, 245.966 famílias de baixa renda foram beneficiadas no ano passado.

Em 2021, diante do agravamento da segunda onda da Covid-19, o governador Camilo Santana garantiu novamente a distribuição para apoiar e dar dignidade à população cearense mais vulnerável socialmente.

Larissa Falcão - Ascom Casa Civil - Texto
Tiago Stille - Ascom Casa Civil - Fotos

0 comentários:

Postar um comentário