Covid-19: Todos acolhidos das cinco Residências Inclusivas já receberam a segunda dose da vacina ~ TribunaIguatu.com

PROGRAMA TRIBUNA SHOW

allowfullscreen="true">allow="autoplay; clipboard-write; encrypted-media; picture-in-picture; web-share" allowfullscreen="true">

quinta-feira, 18 de março de 2021

Covid-19: Todos acolhidos das cinco Residências Inclusivas já receberam a segunda dose da vacina

 


A alegria, o sorriso fácil e a esperança de imunidade do coronavírus já estão fluindo nos rostos de 56 jovens e adultos com deficiências cognitivas, moradores das cinco Residências Inclusivas coordenadas pela Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS). Nesta semana, todos receberam a segunda dose do imunizante para Covid-19, juntamente com os 90 colaboradores das cinco casas.

“Assim como nossos idosos albergados já foram vacinados, essa é mais uma conquista, uma vitória em defesa da vida de jovens e adultos das residências inclusivas. São pessoas de grupos de risco e com comorbidades sérias que receberam, com justiça, a prioridade da vacina. Esse é um compromisso nosso, do Governo do Estado, que perseguiremos até que todos os cearenses sejam vacinados contra a Covid”, destaca a titular da SPS, Socorro França.

Os residentes manifestaram o significado da vacinação, a oportunidade e a confiança de que poderão, em breve, retornar as atividades normais, rever amigos e parentes e voltar à escola. “A vacina representa a nossa saúde e proporciona saúde para todos. É bom estar vacinada, para poder retornar às atividades da vida diária, incluindo as atividades escolares”, revela a residente Brenda.

“A vacina é o que vai nos proteger. Estou me sentindo muito feliz e agradecido. Mas precisamos orar e continuar mantendo os cuidados contra o vírus”, agradece o acolhido Rogério. “Estou muito feliz por já ter sido vacinada, junto com as minhas amigas. Agora, estou imunizada, mas vou continuar colocando sempre álcool em gel nas mãos e mantendo todos os cuidados”, acrescenta Gabriela, residente da unidade 2.

Sentimentos de alívio, segurança e gratidão também são expressos por colaboradores das Residências Inclusivas. “Diante da pandemia, a vacinação é um sorriso de esperança. Desejamos que toda a população também seja vacinada, que tenha garantida o direito universal ao SUS e vida plena”, declara a Técnica de Orientação Social, da Coordenadoria de Proteção Especial Básica, da SPS, Cibelle Silva.

“A vacinação trouxe aos nossos residentes e colaboradores nova esperança e mais tranquilidade para trabalhar. Somos gratos por estarmos mais protegidos e por termos tido a oportunidade de ser incluídos nos grupos prioritários da vacinação”, acrescenta a coordenadora das casas 1 e 2, Patrícia Furtado.

Ascom SPS - Texto


0 comentários:

Postar um comentário