Construção do cinema de Cedro está em fase avançada ~ TribunaIguatu.com

PROGRAMA TRIBUNA SHOW

allowfullscreen="true">allow="autoplay; clipboard-write; encrypted-media; picture-in-picture; web-share" allowfullscreen="true">

sábado, 27 de fevereiro de 2021

Construção do cinema de Cedro está em fase avançada

 


O prédio terá o nome do sanfoneiro José Tomás Sobrinho, conhecido popularmente como Zé de Manu, que morreu aos 81 anos em 2018. Uma justa homenagem a um espaço que revolucionará a cultura e arte locais.  



A construção das duas salas de cinema em Cedro está em fase avançada dE execução. Na manhã desta sexta-feira (26), o prefeito Joãozinho de Titico acompanhou o andamento da obra ao lado do Chefe de Gabinete Marcus Pitombeira. O prefeito de Cedro falou que o equipamento fará “total diferença na vida da população, especialmente dos jovens”. E acrescentou: “Vai facilitar o acesso à cultura e à arte, democratizando-se as obras audiovisuais, além de incrementar o turismo local e regional”.   

  

Toda a região do entorno já está recebendo obras de requalificação, com a construção de uma estação de tratamento de esgoto e drenagem. A sala maior comportará uma plateia de 210 espectadores; a menor terá 105 lugares. Orçado em R$ 2,65 milhões e uma área construída de 1.370,95 m², o cinema de Cedro é uma conquista iniciada na gestão passada. A empresa Signus Construções é responsável pela obra.   

   

“É importante ressaltar que as salas de cinemas serão utilizadas pelas demais secretarias municipais como espaço para a exibição de aulas, promoção de eventos e apresentações culturais”, detalha o chefe de gabinete, Marcus Pitombeira.    

  

As salas de exibição resultam da parceria entre a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult), a Agência Nacional de Cinema (Ancine) e o Governo Municipal. Além de Cedro, outros 10 municípios cearenses foram contemplados pelo projeto Cinema da Cidade, ação que compõe o Programa Cinema Perto de Você.   



Marciel Bezerra
Assessoria de Imprensa - Prefeitura de Cedro
Fotos: Marciel Bezerra

  

0 comentários:

Postar um comentário