Camilo volta ao Ministério da Saúde, expõe gravidade da pandemia no Ceará e pede mais leitos de UTIs ~ TribunaIguatu.com

PROGRAMA TRIBUNA SHOW

allowfullscreen="true">allow="autoplay; clipboard-write; encrypted-media; picture-in-picture; web-share" allowfullscreen="true">

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2021

Camilo volta ao Ministério da Saúde, expõe gravidade da pandemia no Ceará e pede mais leitos de UTIs

 


O governador Camilo Santana (PT) voltou a conversar, neste domingo (14), com o Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, expôs a gravidade do quadro da Covid-19 no Ceará e pediu mais vacinas e mais leitos hospitalares para os pacientes infectados pela doença. Camilo tem sido incisivo, nos últimos 10 dias, sobre a necessidade de uma mobilização geral para conter o avanço da pandemia que deixa hospitais lotados e vários setores da economia travados, com ameaça de fechamento de empresas e demissões.


As medidas adotadas com recomendações para as pessoas permanecerem no distanciamento social e evitarem as viagens no final de semana, que seria dedicado a festas carnavalescas, deixaram estradas com menos movimentos e áreas de lazer esvaziadas. As mensagens sobre a crítica situação na rede pública e particular de saúde começam a mexer com as pessoas e as levam a uma reflexão para a necessidade da adoção de cuidados básicos para a Covid-19 não se aproximar.


A nova conversa, por telefone entre o Governador do Ceará e o Ministro da Saúde, mostra um quadro com mais preocupações na pandemia: aumento do número de pessoas infectadas, profissionais de saúde em ritmo de exaustão, hospitais lotados e falta de leitos de enfermaria e de UTI (Unidade de Tratamento Intensivo). Camilo recorreu ao Ministro para pedir socorro em nome dos cearenses.


“O ministro afirmou que deverá ser enviado um novo lote de da CoronoVac daqui a 8 dias. Reafirmei a importância de acelerarmos esse processo de vacinação, única forma de superarmos a pandemia, que tem crescido em todo o País’’, disse Camilo, em nota pelas redes sociais, para registrar a resposta dada pelo Ministro Eduardo Pazuello ao pedido para maior atenção do Governo Federal com as medidas contra à pandemia.


Camilo disse, ainda, que, durante a conversa, relatou ao Ministro da Saúde o aumento considerável de casos de Covid-19 no Interior do Estado e na Grande Fortaleza, daí o apelo para o Governo Federal credenciar novos leitos de enfermaria e UTI Covid que estão sendo abertos no Ceará.


“Temos ampliado muito nossa rede pública pra que os cearenses tenham um atendimento digno’’, afirmou Camilo, que, ao final da nota, agradece ao ministro pela disposição demonstrada em ajudar ao Estado do Ceará.


NOTA DE CAMILO SANTANA



0 comentários:

Postar um comentário