Bancada cearense é a que menos vota com o Governo Federal na Câmara dos Deputados ~ TribunaIguatu.com

PROGRAMA TRIBUNA SHOW

allowfullscreen="true">allow="autoplay; clipboard-write; encrypted-media; picture-in-picture; web-share" allowfullscreen="true">

terça-feira, 16 de fevereiro de 2021

Bancada cearense é a que menos vota com o Governo Federal na Câmara dos Deputados

 


A bancada cearense na Câmara dos Deputados é a menos alinhada aos posicionamentos do Palácio do Planalto. Entre todos os estados, os parlamentares cearenses foram os que menos acompanharam o líder do Governo nas votações no plenário da Casa durante os dois primeiros anos de mandato do presidente Jair Bolsonaro. Entre os motivos apontados por especialistas e parlamentares para a postura, estão a pressão exercida pela base eleitoral e a força do governador Camilo Santana (PT). 

Segundo dados do Radar do Congresso, plataforma criada pelo portal Congresso em Foco, os deputados cearenses seguiram a orientação do líder do Governo em 59% das votações nominais, o menor índice do País. O levantamento tem como base 336 votações realizadas no plenário da Câmara em 2019 e 2020. 

Apesar de ser a bancada menos alinhada ao presidente Bolsonaro, o Ceará possui parlamentares que seguiram as orientações do líder do governo em quase todas as votações na Câmara. É o caso do deputado Dr. Jaziel (PL), líder, dentre os cearenses, em acompanhar a posição do Palácio do Planalto, tendo o feito em 98% das votações. Na sequência, estão Júnior Mano (PL), 97%; AJ Albuquerque (PP), 96%; Domingos Neto (PSD), 96%; e Vaidon Oliveira (Pros), 94%.

Por outro lado, alguns parlamentares tiveram índice de governismo bem abaixo da média da bancada cearense. José Airton (PT) foi o que menos votou com o governo - caso de apenas 21% das votações. Na sequência, entre os menos alinhados, estão José Guimarães (PT), 23%; Idilvan Alencar (PDT), 27%; e Denis Bezerra (PSB), 32% (ver quadro). 

DN

0 comentários:

Postar um comentário