Fevereiro 2021 ~ TribunaIguatu.com

PROGRAMA TRIBUNA SHOW

allowfullscreen="true">allow="autoplay; clipboard-write; encrypted-media; picture-in-picture; web-share" allowfullscreen="true">

domingo, 28 de fevereiro de 2021

Chove em pelo menos 72 municípios do Ceará; Icó registra precipitação de 63 mm com raios



 Pelo menos 72 municípios do Ceará registraram chuva entre as 7h de sábado (27) e as 7h deste domingo (28), conforme balanço da Fundação Cearense de Meteorologia de Recursos Hídricos (Funceme) de 9h. 


Icó registrou a maior precipitação - 63 mm. A cidade registrou diversos raios durante a noite de sábado (27), conforme relatos de moradores. 

O Cariri concentrou seis das dez maiores chuvas do período. Os maiores acumulados foram em Jucás (46 mm), Crato (46 mm), Cariús (45 mm) e Farias Brito (42,6 mm). Fortaleza registrou chuva de 4,2 mm no posto de Messejana. 

Para este domingo (28), que encerra o primeiro mês da quadra chuvosa no Ceará, a Funceme prevê eventos de chuva abrangentes. 

As regiões Litoral Norte, Ibiapaba, Sertão Central e Inhamuns e Cariri devem ter precipitação em mais de 50% das suas áreas. 

Nos litorais de Fortaleza e do Pecém, Maciço de Baturité e Região Jaguaribana, a chuva deve ser isolada. No Litoral da Capital, a precipitação deve ocorrer, predominantemente, entre a madrugada e o início da tarde.

Confira as 10 maiores chuvas por municípios entre 7h de sábado (27) e 7h deste domingo (28)*:

Icó (Posto: Cascudo) : 63.0 mm
Crato (Posto: Crato) : 46.0 mm
Jucás (Posto: Jucas) : 46.0 mm
Cariús (Posto: Sao Sebastiao) : 45.0 mm
Ararendá (Posto: Santo Antonio) : 42.8 mm
Farias Brito (Posto: Farias Brito) : 42.6 mm
Milagres (Posto: Milagres) : 42.0 mm
Cedro (Posto: Varzea Da Conceicao) : 41.0 mm
Ararendá (Posto: Lagoa De Santo Antonio) : 39.0 mm
Morada Nova (Posto: Roldao) : 36.0 mm

Com as informações: DN

sábado, 27 de fevereiro de 2021

Cadastro de pessoas com deficiência segue até o dia 3 de março

 


Agentes Comunitários de Saúde de Cedro realizam busca ativa pessoalmente em suas áreas de territorialização. Cidadão também pode realizar o cadastro de forma online.  

  

A Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), por meio da Prefeitura de Cedro, está realizando o Cadastro de Pessoas com Deficiência. A iniciativa acontece em todos os municípios cearenses e possibilita o mapeamento de parte deste segmento da população. É uma efetiva contribuição para que sejam implementadas políticas públicas eficazes, entre elas a assistência descentralizada, com foco na regionalização. Desde que foi lançado dezembro de 2020, mais de 2 mil cadastros foram realizados no Ceará.  O IBGE estima que 1.586 cadastros sejam efetuados aqui.   

  

O prefeito Joãozinho de Titico explica que a ação irá auxiliar no planejamento e na organização dos serviços e demandas do setor de saúde. “Estamos com equipes em campo para agilizar e obedecer aos critérios estabelecidos pelo Governo do Ceará”, pontua. Até a última sexta-feira (26), foram realizados 112 cadastros de moradores com as mais diversas deficiências:   

- auditiva (12)  

- física (34)  

- intelectual (42)  

- múltipla (12)  

- visual (7)  

- transtorno de espectro autista (5)  

  

O cadastro permitirá a obtenção de informações detalhadas sobre esse público, o que inclui seu contexto ambiental, socioeconômico, as características educacionais, de moradia, a relação familiar, as barreiras enfrentadas, o acesso aos serviços de saúde e sua condição de saúde.   

  

Após finalizar o Cadastro, a Sesa realizará um censo para informações mais detalhadas. O Governo do Ceará promoverá capacitações para a elaboração, adaptação e manutenção de órteses e próteses. Os treinamentos acontecerão em oficinas, proporcionando emprego e renda, reabilitação, maior autonomia e garantia de inclusão social à pessoa com deficiência – seja ela física, visual, auditiva ou intelectual, contemplando, ainda, transtornos do espectro autista.   

  

Como se cadastrar   

Clique aqui: https://digital.saude.ce.gov.br/pessoas-com-deficiencia/#/inicio   



Marciel Bezerra
Assessoria de Imprensa - Prefeitura de Cedro

Construção do cinema de Cedro está em fase avançada

 


O prédio terá o nome do sanfoneiro José Tomás Sobrinho, conhecido popularmente como Zé de Manu, que morreu aos 81 anos em 2018. Uma justa homenagem a um espaço que revolucionará a cultura e arte locais.  



A construção das duas salas de cinema em Cedro está em fase avançada dE execução. Na manhã desta sexta-feira (26), o prefeito Joãozinho de Titico acompanhou o andamento da obra ao lado do Chefe de Gabinete Marcus Pitombeira. O prefeito de Cedro falou que o equipamento fará “total diferença na vida da população, especialmente dos jovens”. E acrescentou: “Vai facilitar o acesso à cultura e à arte, democratizando-se as obras audiovisuais, além de incrementar o turismo local e regional”.   

  

Toda a região do entorno já está recebendo obras de requalificação, com a construção de uma estação de tratamento de esgoto e drenagem. A sala maior comportará uma plateia de 210 espectadores; a menor terá 105 lugares. Orçado em R$ 2,65 milhões e uma área construída de 1.370,95 m², o cinema de Cedro é uma conquista iniciada na gestão passada. A empresa Signus Construções é responsável pela obra.   

   

“É importante ressaltar que as salas de cinemas serão utilizadas pelas demais secretarias municipais como espaço para a exibição de aulas, promoção de eventos e apresentações culturais”, detalha o chefe de gabinete, Marcus Pitombeira.    

  

As salas de exibição resultam da parceria entre a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult), a Agência Nacional de Cinema (Ancine) e o Governo Municipal. Além de Cedro, outros 10 municípios cearenses foram contemplados pelo projeto Cinema da Cidade, ação que compõe o Programa Cinema Perto de Você.   



Marciel Bezerra
Assessoria de Imprensa - Prefeitura de Cedro
Fotos: Marciel Bezerra

  

Núcleo de Cidadania dos Adolescentes abre inscrições para ações de cidadania

 


As inscrições estão sendo realizadas de forma remota, pelo Facebook e Instagram. A iniciativa é parte da metodologia do Selo Unicef, cujos resultados mostram que Cedro, ao adotá-lo como estratégia, melhorou mais que a média nacional em educação, saúde e proteção à criança e ao adolescente 

  

A Prefeitura de Cedro, por meio da Secretaria do Trabalho e Assistência Social e do Fundo das Nações Unidas pela Infância (Unicef), convida adolescentes de 12 a 18 anos a participarem do Núcleo de Cidadania dos Adolescentes (Nuca), o mais novo espaço de interação entre crianças e adolescentes no município.  A iniciativa busca fomentar o diálogo e a troca de ideias em prol do fortalecimento da cidadania e do desenvolvimento do bem-estar do público assistido.  

O Nuca de Cedro é um projeto desenvolvido pela articuladora do Selo Unicef local, Luciana Vieira, e executado pela mobilizadora de adolescentes Ana Paula Dias. Seu objetivo é garantir a inclusão dos jovens nos ambientes sociais, além de levar mais entretenimento a esse segmento, discutindo-se pautas importantes no dia a dia deles.   

Para o prefeito Joãozinho de Titico, é importante que a juventude cedrense se organize em rede, discutindo questões de seu interesse, implementando ações que possibilitem suas revindicações chegarem à gestão pública municipal. “Iniciativa desse porte ajuda bastante na construção de políticas públicas que melhorem cada vez mais a qualidade de vida da população”, pontua.   

Inscrição   

Facebook: https://www.facebook.com/nucacedroce   

Instagram: https://www.instagram.com/nucacedro/   

Nos últimos quatro anos, os adolescentes participaram de diversas atividades e metas para a conquista do selo Unicef (2017-2020), entre as quais estão (com data e ação):  

   

Setembro de 2018   

1º Fórum Comunitário do Selo Unicef discute plano de ação para crianças e adolescentes de Cedro.  

Dezembro de 2018   

Conferência Municipal em Cedro, com o tema “Proteção Integral, Diversidade e Enfrentamento da Violência”.  

  

Maio de 2019   

Audiência Pública realizada pela Câmara Municipal para homenagear pessoas destacadas na área social.  

 

Dezembro de 2020   

- Cedro conquista Selo Unicef – edição 2017-2020.  

- Estudantes de Cedro são contemplados com chips e celulares pela conquista do Selo Unicef 2017-2020. 



Marciel Bezerra
Assessoria de Imprensa - Prefeitura de Cedro

Governo do Ceará abre cadastro para solicitação de auxílio financeiro para os profissionais do Setor de Eventos com início na segunda-feira (1º)

 

O cadastro deve ser realizado no site http://auxiliosetoreventos.secult.ce.gov.br/ e a Secult Ceará disponibilizará também um chat para tira-dúvidas. Os trabalhadores do setor de eventos terão até o dia 10 de março para fazer a solicitação do auxílio

O auxílio financeiro para os profissionais do setor de eventos do Ceará no valor de R$1.000, anunciado pelo governador Camilo Santana na semana passada, é a primeira medida implantada pelo Governo do Ceará para apoio ao setor prejudicado economicamente pela pandemia da Covid-19. O anúncio foi feito em live no Facebook do Governo do Ceará, na tarde desta sexta-feira, 26/2, com participação do secretário da Cultura, Fabiano Piúba, e o Secretário Executivo de Planejamento e Orçamento, Flávio Ataliba.
Na próxima segunda-feira (1º de março), os profissionais já poderão se cadastrar para receber o auxílio. O cadastro deve ser realizado no site http://auxiliosetoreventos.secult.ce.gov.br/ e a Secretaria da Cultura do Ceará (Secult) disponibilizará também um chat para tira-dúvidas. Os trabalhadores do setor de eventos terão até o dia 10 de março para fazer a solicitação do auxílio.

Por meio desta ação, o Governo do Ceará pretende beneficiar 10 mil profissionais, com um auxílio financeiro de R$ 1.000, divididos em duas parcelas de R$ 500, mediante cadastro e critérios da Secretaria da Cultura (Secult), totalizando um recurso de R$10 milhões para quem trabalha no setor de eventos. Outras medidas também anunciadas pelo governador, como isenção de IPVA para isenção do IPVA 2021 para veículos registrados em nome de empresas de eventos e parcelamento das dívidas de ICMS com o Estado do Ceará em até 60 meses, com o objetivo de regularizar a situação fiscal de empresas do setor de evento, ainda estão em andamento.

Entre os beneficiados pelo o auxílio estão inclusos técnicos de som, luz, figurino e cenotécnica, produtores(as), montadores de palcos, cerimonialistas de eventos, decoradores de eventos, recepcionistas de eventos, fotógrafos e cinegrafistas de eventos, bem como músicos, humoristas, artistas de rua e profissionais de circo.

Com quase um ano de pandemia, muitos setores produtivos foram afetados e a medida governamental veio como forma de reduzir os impactos negativos do setor de evento. As ações anunciadas pelo Governo do Ceará são resultados de um processo de diálogo com um dos setores econômicos mais prejudicados em decorrência das medidas necessárias para combater a pandemia da Covid-19.

Live sobre o auxílio

O auxílio financeiro para os profissionais do setor de eventos do Ceará foi destacado em live, que aconteceu no Facebook do Governo do Ceará, na tarde desta sexta-feira, 26/2, com participação do secretário da Cultura, Fabiano Piúba, e o secretário executivo de Planejamento e Orçamento do Ceará, Flávio Ataliba. Na ocasião, os secretários explicaram o funcionamento do auxílio e as medidas adotadas para o setor, também interagindo com o público e tirando dúvidas.

“Estamos anunciando uma medida muito importante do governador Camilo Santana para o setor de eventos. Essa é uma ação que tem como objetivo conceder um auxílio financeiro, que faz parte de um pacote de medidas que foram anunciadas pelo governador. Temos um público previsto de 10 mil profissionais, passando por técnicos, produtores, e outras atividades daqueles que ficam por ‘trás do palco’, assim como músicos, humoristas, circenses, e aqueles também que atuam na área de eventos como cinegrafistas, fotógrafos, recepcionistas e decoradores. Perceba que temos uma vasta categorização para quem atua na área de eventos, mas na área artística também. Gostaria de destacar a intersetorialidade nessa ação do governo, que é uma ação integrada e articulada entre várias secretarias como a da Cultura, do Turismo, além da Sedet, Seplag e Sefaz, para apoiar o setor”, destacou o secretário da Cultura do Ceará, Fabiano Piúba.

“Sabemos que o setor de eventos é extremamente importante. Ele movimenta R$900 bilhões Brasil, que corresponde cerca de 14% do PIB. Especialmente no Ceará tem sido um setor bem ‘machucado’ por estar meses parado. Estamos conversando há muito tempo com o setor e propondo alternativas. O governador tem sido bem sensível. Todas reivindicações do segmento são legítimas, mas temos preocupação de tomar atitudes responsáveis. O auxílio financeiro vem junto de outros auxílios, como o lançamento de edital para eventos corporativos. No caso do IPVA e do ICMS, também há um esforço quanto a isso. São ações que vêm para minimizar todos os prejuízos que o setor vem sofrendo. A mensagem principal que queremos deixar é que há uma preocupação do Governo do Ceará com esses setores que são mais atingidos. Estamos conversando com o setor de restaurantes também. Perceba que há um esforço gigante por parte do orçamento do governo, em que a prioridade agora é a área da saúde. Temos que tomar decisões baseadas em responsabilidade. Os auxílios do Governo do Ceará são uma ação inédita no Brasil”, ressaltou, por sua vez, o secretário executivo de Planejamento e Orçamento do Ceará, Flávio Ataliba.

Conheça as Medidas de apoio para o setor de eventos:

1) Auxílio financeiro do Governo do Ceará para os profissionais do Setor de Eventos no valor de R$ 1.000, divididos em duas parcelas de R$ 500, mediante cadastro e critérios da Secretaria da Cultura (Secult). “Segundo levantamento do Governo e dos sindicatos que representam esses segmentos, cerca de 10 mil profissionais serão beneficiados com essa medida, como músicos, humoristas, técnicos de som, luz e imagem, artistas circenses, as pessoas que trabalham nos bastidores dos eventos”, explicou o governador.

2) Lançamento de um Edital no valor de R$ 4 milhões para eventos corporativos virtuais, voltadas para a produção de feiras, seminários, congressos, simpósios, exposições e congêneres.

3) Isenção do IPVA 2021 para veículos registrados em nome de empresas de eventos, e para até um carro que esteja no nome de profissionais autônomos ou microempreendedores individuais (MEI) formalizados, que atuem comprovadamente no ramo de eventos.

4) Parcelamento das dívidas de ICMS com o Estado do Ceará em até 60 meses (5 anos), com o objetivo de regularizar a situação fiscal de empresas do setor de eventos.

5) Quando liberados os eventos presenciais, os equipamentos públicos do Estado isentarão o pagamento de qualquer taxa ou aluguel por seis meses para os eventos ali sediados. “Uma medida válida para empresas cearenses que poderão produzir e sediar seus eventos em locais como o Centro de Eventos, Theatro José de Alencar, Teatro Carlos Câmara, Cineteatro São Luiz, Centro Dragão do Mar, essa uma demanda do próprio setor, agora atendida”, frisou Camilo.

Quem será beneficiado pelo Auxílio para Profissionais do Setor de Eventos?

I – técnicos (iluminação, cenotécnico, som, figurino e produção)

II- músicos

III- humoristas;

IV – artistas de rua;

V- artistas circenses;

VI – cerimonialistas de eventos;

VII – fotógrafos de eventos;

VIII – cinegrafista de eventos;

IX- decoradores de Eventos;

X- recepcionistas de eventos.

Qual o Cronograma de Execução do Auxílio para Profissionais do Setor de Eventos?

Inscrições: 01 a 10 de março

Validação do benefício: 11 de março a 05 de abril

Resultado: 07 de abril

Pagamento Parcela 1: 11 a 30 de abril

Pagamento Parcela 2: 03 a 15 de maio

Quais as vedações para a obtenção do benefício?

Profissionais que:

  • tenham emprego formal ativo;

  • sejam titulares de benefício previdenciário ou assistencial ou beneficiários do seguro-desemprego ou de programa de transferência de renda federal, ressalvado o Programa Bolsa Família;

  • exerçam, a qualquer título, cargo, emprego ou função pública em quaisquer das esferas de governo;

  • não sejam residentes no estado do Ceará.

Como se cadastrar no auxílio?

Através do Mapa Cultural Cultural do Ceará, plataforma da Secretaria da Cultura do Estado, para o Cadastramento de Acesso aos Benefícios do Auxílio Financeiro para os Profissionais do Setor de Eventos. Nesse cadastro o solicitante preenche o Formulário, inserindo as informações, declarações e comprovações necessárias para fazer jus ao Auxílio Financeiro.

Acesse: http://auxiliosetoreventos.secult.ce.gov.br/

Editais da Cultura

É importante ressaltar que o Governo do Estado, por meio da Secretaria da Cultura, tem em andamento outros editais e oportunidades, que totalizam R$ 86 milhões voltados para projetos culturais e que têm apoiado os artistas do Ceará. São R$ 68 milhões pela Lei Aldir Blanc e outros R$ 18 milhões em editais da própria Secult.

Serviço:

Cadastro para solicitação de auxílio financeiro para os profissionais do Setor de Eventos do Ceará

Dúvidas:

Suporte do Mapa Cultural do Ceará: bit.ly/mapacultural-ceara-suporte

Horário de Atendimento – 8h às 17h (seg – sex)

*Todas as dúvidas devem ser encaminhadas diretamente para o serviço disponível no link de suporte do Mapa Cultural do Ceará.

Site para cadastro: http://auxiliosetoreventos.secult.ce.gov.br/

(disponível somente na segunda-feira, 1º de março)

Ascom Secult

Ranking: confira premiações por posição da Série A do Campeonato Brasileiro de 2020


 A permanência na elite do futebol brasileiro representa receita imediata. O contrato de distribuição das cotas de transmissão prevê que cada posição a mais na tabela de classificação seja revertida em premiação, que inclui cotas entre o campeão e o 16º colocado na tabela da Série A.


Ao fim da Série A, o desempenho significa mais ganhos nos cofres de Ceará e Fortaleza, por exemplo. Os clubes cearenses possuem contrato com a Rede Globo e vínculo com Turner para TV fechada.

O repasse do ano de 2019 foi mantido para 2020. O montante envolvendo TV aberta e fechada segue em R$ 1,1 bilhão. Destes, 40% são divididos de forma igualitária (R$ 22 milhões), 30% pela colocação final e 30% restantes por exibição do jogo. Logo, as cotas por posições ao término da 38ª rodada irão repartir R$ 330 milhões. O campeão lucra R$ 33 milhões, enquanto o vice arrecada R$ 31,35 mi.

Futebol cearense
No âmbito cearense, a distribuição de R$ 330 mi cai para R$ 180 mi, que é repartido entre os clubes da 1ª até a 16ª colocação. A queda é motivada pelo fato de Vovô e Leão apresentarem um contrato em vigência para TV Aberta e outro para TV Fechada, então não recebem o valor total da Rede Globo (as cotas são explicadas abaixo).

Assim, o recebido pelos times é menor por parte da Globo, mas acrescido de pagamentos da Turner. A empresa realizou reajuste e aumentou as receitas para o último ano - em quantias mantidas em sigilo por força contratual. Na tabela, apresentamos como base os valores da temporada de 2019, uma antes da atual edição do Brasileirão.

Premiações por posição da Série A de 2020 (não é o caso de Ceará e Fortaleza)

Divisão por posição para times que fecharam com a Globo na TV Aberta e Fechada (2020)

Campeão: R$ 33 milhões
Vice: R$ 31,3 milhões
3º: R$ 29,7 milhões
4º: R$ 28 milhões
5º: R$ 26,4 milhões
6º: R$ 24,7 milhões
7º: R$ 23,1 milhões
8º: R$ 21,4 milhões
9º: R$ 19,8 milhões
10º: R$ 18,1 milhões
11º: R$ 15,5 milhões
12º: R$ 14,6 milhões
13º: R$ 13,7 milhões
14º: R$ 12,8 milhões
15º: R$ 11,9 milhões
16º: R$ 11 milhões

Divisão por posição dos times que fecharam com a Globo só na TV aberta (2020) - Ceará e Fortaleza participam dessa distribuição.

Campeão: R$ 19 milhões
Vice: R$ 18 milhões
3º: R$ 17,1 milhões
4º: R$ 16,1 milhões
5º: R$ 15,2 milhões
6º: R$ 14,2 milhões
7º: R$ 13,3 milhões
8º: R$ 12,3 milhões
9º: R$ 11,4 milhões
10º: R$ 10,4 milhões
11º: R$ 8,1 milhões
12º: R$ 7,6 milhões
13º: R$ 7 milhões
14º: R$ 6,8 milhões
15º: R$ 6,6 milhões
16º: R$ 6,4 milhões

DN

Leonardo Da Vinci chega a 150 UTIs para atendimento Covid com abertura de nova ala

 


O governador do Ceará, Camilo Santana, e o secretário da Saúde do Ceará, Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho (Dr. Cabeto), entregaram mais 20 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital Estadual Leonardo da Vinci (HELV). O anúncio foi realizado nesta sexta-feira (26) durante transmissão ao vivo nas redes sociais.

A entrega amplia a capacidade de atendimento da unidade para pacientes com coronavírus. O HELV passa a contar, agora, com 150 leitos de UTI Covid-19. “São 20 leitos de UTI, novos, com toda equipe médica aqui já pronta para receber. Todos os equipamentos já preparados para atender os nossos pacientes do Ceará. Com isso, estamos passando de 130 leitos de UTI para 150 só aqui no Hospital Estadual Leonardo da Vinci”, ressalta o governador.

Com nova ala sendo reformada, outros 20 leitos devem ficar disponíveis em breve, aumentando o número de vagas em UTI para 170. “Nós estamos no andar de cima (do HELV) com outra obra. Serão mais vinte leitos de UTI que nós queremos inaugurar agora, já em março, o mais rápido possível”.

Camilo Santana destacou que a rede de saúde do Estado deverá contar com mais de mil leitos de UTI Covid-19 até o fim de março. “Queremos chegar, só no Leonardo (da Vinci) a 170. Com isso, estamos saindo de 680 leitos de UTI na segunda-feira e chegando a 710 leitos hoje (sexta-feira, 26) nos nossos hospitais e em nossos conveniados. Vamos continuar toda uma expansão. Deveremos chegar, na próxima semana, aos 811 leitos de UTI, conforme tínhamos anunciado e, até o final de março, ultrapassar os mil leitos em toda a rede do Ceará”, detalhou o governador.

Titular da Saúde do Ceará, Dr. Cabeto fez um apelo aos cearenses quanto à prevenção da doença, destacando a importância dos cuidados. “Cada um tem que fazer a sua parte e ninguém pode se eximir dessa responsabilidade. Nós temos visitado as UTIs diariamente, assistido os pacientes em vista da angústia dessas pessoas e dessas famílias. Nós precisamos, independentemente das determinações, trazer a responsabilidade para si, para que a gente possa colaborar”, sublinha o secretário.

Nova ala

Com uma área de aproximadamente 550 m², a ala entregue nesta sexta-feira (26) conta com o diferencial de um posto centralizado, permitindo a observação permanente dos pacientes, além das áreas de serviço e dois isolamentos, de acordo com o regulamento técnico RDC 50, que atende as edificações assistenciais de saúde.

Em março de 2020, no início da pandemia, o HELV foi requisitado à iniciativa privada pelo Governo do Ceará para somar aos equipamentos da rede estadual de saúde no tratamento de pacientes com Covid-19. Já em novembro do mesmo ano, o governador Camilo Santana anunciou a aquisição definitiva da unidade pelo Estado.

André Pinheiro - Ascom do HELV - Texto
Carlos Gibaja - Fotos

Internet e artesanato: novos horizontes para a geração de renda no Ceará

 


Praticidade, comodidade e economia são alguns dos benefícios que as compras virtuais oferecem para os consumidores. Devido ao enfrentamento à pandemia no ano de 2020, o deslocamento para as lojas físicas ficou ainda mais limitado, alavancando ainda mais o poder da internet para realizar vendas. Com o artesanato, não é diferente. O Governo do Ceará, através da Central de Artesanato do Ceará (CeArt) inaugurou, em junho do ano passado, uma loja virtual do artesanato cearense, que divulga e envia para todo o Brasil a beleza do nosso feito à mão. Além dos sites, as redes sociais compõem a força potente que transforma positivamente as relações de mercado e as vidas dos artesãos cearenses.


Tanto o equipamento da Secretaria da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS) quanto os próprios artesãos constroem, com a internet, novos horizontes de geração de renda, como destaca a titular da SPS, Socorro França: “Nosso objetivo com o fortalecimento da presença virtual é levar o nosso artesanato para todo o Brasil. Colaborando com a ampliação do alcance dos trabalhos artesanais, conseguimos atender também os clientes com a praticidade das novas possibilidades de compra”.


Produzindo esculturas em madeira há oito anos, Nil Morais decidiu publicar as peças na internet quando percebeu que aquilo que era hobby se tornaria o seu trabalho. Com recebimento de pedidos no WhatsApp e divulgação no Instagram, o artesão mantém uma rotina organizada que tem trazido bons resultados. “Faço sozinho a minha divulgação, cuidando do atendimento aos clientes, da fotografia e da publicação de posts. Diariamente, mantenho a disciplina de me dedicar às redes sociais porque hoje elas geram atualmente 90% do meu total de vendas”, destaca.


Com o trabalho em crochê, Vaneide Bandeira também vive do artesanato e aposta na internet para chegar cada vez mais longe. “Iniciei nas redes sociais há pouco mais de um ano porque entendo que elas ampliam o nosso público, já que são parte da vida de pessoas de todas as idades, que podem se tornar clientes. Conto com a ajuda da minha filha para administrar as minhas redes e estou estudando para obter um público maior e com mais qualidade no que divulgo”. O próximo passo, segundo Vaneide, é investir ainda mais nas vendas virtuais com a criação de um site próprio.


Essa etapa já é realidade na Associação Carqueijo, que é referência no Ceará com o trabalho em tecelagem em Mucambo. Com comunicação forte nas redes sociais e envios para todo o país pelo site da associação, a Carqueijo gera cerca de 60% das vendas pela internet: “Sempre acreditei no potencial do e-commerce para levar o nosso artesanato a novos locais e consumidores, por isso, trabalhamos com vendas virtuais desde o ano de 2012, quando as redes sociais ainda estavam se fortalecendo. No início, divulgamos nosso site na imprensa, nas rádios e sempre buscamos meios de nos atualizar e aprimorar nossos serviços para nos aproximar de nossos consumidores no meio virtual”, conta Gilmar Martins, presidente da Carqueijo.


Com peças na loja virtual da CeArt, Vaneide conta sobre o impacto do apoio da Central na divulgação e nas vendas do seu trabalho: “O apoio da CeArt é imprescindível! Com um nome de peso no mercado e na cultura do Ceará, nós artesãos fazemos parte de um projeto de prestígio e reconhecimento tendo nossos produtos divulgados nas redes sociais”, afirma.


“Trabalhamos para ampliar cada vez mais as oportunidades dadas aos nossos artesãos no meio virtual. De 2020 para 2021, ampliamos nossos envios do Ceará para o Brasil, e planejamos, em breve, expandir as vendas do legítimo artesanato a nível mundial”, destaca a coordenadora da CeArt, Patricia Liebmann.




Serviço

CeArt

Instagram: @ceartceara

Site: www.lojaceart.online


Nil Morais

Instagram: @morais.nil / @ateliecompadres


Vaneide Bandeira

Instagram: @atelie.vaneide


Carqueijo Artesanato

Instagram: @carqueijo_artesanato

Site: www.carqueijoartesanato.com.br


Larissa Feitosa - Ascom CeArt - Texto e Fotos


Polícia Civil prende integrante de grupo criminoso e apreende armas e drogas no Crato

 


Uma ação da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), por meio do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas (NCTD) da Delegacia Regional de Juazeiro do Norte, resultou na prisão de um integrante de uma organização criminosa e na apreensão de cerca de 20 kg de maconha, além de duas armas. A ação ocorreu, na tarde dessa quinta-feira (25), no Sitio Monte Alegre, zona rural do município do Crato, na Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19) do Estado.

A captura de Werber Galba Silva Lima (23), vulgo “Mente fria”, que já responde por homicídio doloso e crime ambiental, se deu após um trabalho de inteligência e investigações acerca da comercialização de entorpecentes na região do Crato. O homem, que é integrante de um coletivo criminoso, foi abordado após os investigadores perceberem uma movimentação estranha no imóvel, situado na zona rural do município. Após a aproximação dos agentes de segurança na casa, apontada como ponto de vendas de drogas, “Mente fria” tentou se evadir do local, mas foi localizado e alcançado em um matagal, já na parte de trás da residência.

Em uma varredura minuciosa pelo imóvel, os policiais civis localizaram cerca 18 tabletes de maconha, totalizando 20 quilos, duas espingardas, munições variadas, uma balança de precisão e um celular. Todo o material e “Mente Fria” foram conduzidos à delegacia. Na Regional, o investigado foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Agora, a PCCE investiga a participação dele em outros crimes na região.

Denúncias

A Polícia Civil ressalta que a população pode contribuir com os trabalhos na região repassando informações que auxiliem as equipes policiais. As denúncias podem ser feitas para o número (88) 99861-6987, que é o WhatsApp do Núcleo, por onde podem ser realizadas denúncias via mensagem. O sigilo e o anonimato são garantidos.

Ascom PCCE