A Prefeitura Municipal de Iguatu, por meio da Secretaria do Trabalho, Habitação e Assistência Social apresentou o "Projeto de Trabalho Social" ~ TribunaIguatu.com

PROGRAMA A NOTICIA DO CEARÁ

Para Ver Mais Vídeos No Nosso Site CLIK AQUI E VEJA MAIS

quinta-feira, 3 de dezembro de 2020

A Prefeitura Municipal de Iguatu, por meio da Secretaria do Trabalho, Habitação e Assistência Social apresentou o "Projeto de Trabalho Social"



A Prefeitura Municipal de Iguatu, por meio da Secretaria do Trabalho, Habitação e Assistência Social apresentou o "Projeto de Trabalho Social" às famílias contempladas com apartamentos no Residencial Dom Mauro, localizado na vila Gadelha. O evento foi realizado nesta terça-feira (1), com a participação do prefeito Ednaldo Lavor, da secretária Patrícia Diniz e equipe técnica envolvida na ação.

Segundo Patrícia, o objetivo é estreitar o relacionamento entre a gestão e moradores, proporcionando informação e orientação sobre a nova morada e a vida em comunidade. O plano realiza ações mobilizadoras, de organização comunitária, educação sanitária e ambiental, além de atividades para geração de trabalho e renda.

Para o prefeito Ednaldo Lavor, a participação dos moradores do residencial em todos os momentos deste projeto será estimulada por meio de um processo educativo, que os leve a refletir sobre a realidade em que vivem. "O trabalho propõe ainda uma integração social entre os moradores despertando-lhes para que desenvolvam a autogestão individual e comunitária”, esclareceu o prefeito.

O Projeto de Trabalho prevê várias reuniões, oficinas, trocas de experiências, atividades diversas, cursos de capacitação profissional e ainda formação de grupo de governança, a ser eleito pelos próprios moradores, com fins a fortalecer e assegurar o desenvolvimento das ações, de forma democrática e participativa. “A iniciativa busca a sustentabilidade dessas famílias, por meio de eixos de atuação para que os oriente na permanência em suas moradias”, pontuou Patrícia Diniz, secretária do Trabalho, Habitação e Assistência Social.

0 comentários:

Postar um comentário