Guru espiritual acusado de prática de crimes sexuais é preso preventivamente em Fortaleza ~ TribunaIguatu.com
Para Ver Mais Vídeos No Nosso Site CLIK AQUI E VEJA MAIS

terça-feira, 29 de setembro de 2020

Guru espiritual acusado de prática de crimes sexuais é preso preventivamente em Fortaleza


Na manhã desta terça-feira, 29, o guru espiritual, por nome de Pedro Ícaro de Medeiros, o “Ikky”, acusado da prática de crimes sexuais contra adolescentes foi preso em Fortaleza, através da Operação ‘Erasta’. A ação foi realizada através do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio do Núcleo de Investigação Criminal (NUINC) e do Núcleo de Atendimento às Vítimas de Violência (NUAVV), com apoio da Polícia Civil do Estado do Ceará, por meio do Departamento Técnico Operacional (DTO). A informação é da assessoria do órgçao.

A ação cumpriu ordens de busca e apreensão pessoais e residenciais em três endereços, em Fortaleza. Os mandados foram expedidos pelo juízo da 12ª Vara Criminal de Fortaleza. A investigação do MPCE ficou a cargo do Núcleo de Investigação Criminal e contou com a colaboração do Núcleo de Atendimento às Vítimas de Violência (NUAVV).

Partindo de várias análises das publicações com a hashtag #exposedfortal, o Ministério Público lançou duas campanhas convocando as vítimas de crimes sexuais no Estado do Ceará. Neste contexto compareceram as vítimas, cuja qualificação (nomes e identificação) permanece em sigilo, por força de lei, culminando com a individualização do senhor Pedro Ícaro de Medeiros, como autor de crimes sexuais em desfavor das mesmas.

O investigado ficou nacionalmente conhecido ao ser denunciado por várias vítimas que com ele conviviam na “Comunidade Afago”, e ter sido alvo de reportagem do Programa da rede Globo, Fantástico.

O nome da operação faz referência aos conceitos da pederastia da antiga Grécia, em que Erasta era o homem com mais de trinta anos que se relacionava com jovens, visando refinar-lhes a educação.

Repórter Ceará.

0 comentários:

Postar um comentário