Juazeiro do Norte e Crato estão entre as cidades do Ceará com maior número de estudantes infectados por Covid-19 ~ TribunaIguatu.com
Para Ver Mais Vídeos No Nosso Site CLIK AQUI E VEJA MAIS

quarta-feira, 9 de setembro de 2020

Juazeiro do Norte e Crato estão entre as cidades do Ceará com maior número de estudantes infectados por Covid-19

Projeto obriga redução do preço da mensalidade nas escolas durante quarentena

As cidades que já estão na Fase 4 do Plano de Reabertura da Economia, entraram no debate sobre o retorno das aulas presenciais. Mas os dados disponibilizados pela Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa), por meio da plataforma IntegraSUS, atualizada às 17h19 de terça-feira (8), mais de 4 mil estudantes tiveram a Covid-19 no Ceará e 65,5% destes estão classificados na faixa etária de 15 a 19 anos.

A cidade com o maior número de estudantes é Juazeiro do Norte, que tem 607 estudantes infectados pela doença pandêmica. Em seguida, está o município de Sobral, com 283 casos confirmados entre estudantes. Depois, Fortaleza com 261 diagnósticos positivos. Outro município caririense é o Crato, com 184 estudantes infectados e Tianguá, que soma 124 casos confirmados na categoria.

Já em relação aos óbitos, os números são mínimos. Desde o início da pandemia a categoria de estudantes soma apenas 3 óbitos e nenhum é contabilizado na faixa etária de 15 a 19 anos. Conforme informações do IntegraSus, os óbitos registrados aconteceram nas cidades de Fortaleza (2) e Itapajé (1). As faixas etárias das vítimas são de 35 a 39 anos, 50 a 54 anos e 55 a 59 anos.

Apesar do baixo número infecções pelo novo coronavírus com agravamento entre estudantes, o Ceará contabiliza 4.575 casos confirmados do novo coronavírus na faixa, sendo 2.997 diagnósticos em alunos entre 15 e 19 anos, idade que se refere, em sua maioria, a quem está no ensino médio e no inicio do ensino superior. Em seguida, a faixa etária que mais apresenta infecções pelo novo coronavírus entre os estudantes é de 20 a 24 anos, com 457 casos.
Por: Redação Badalo, com informações do Diário do Nordeste.

0 comentários:

Postar um comentário