Agosto 2020 ~ TribunaIguatu.com
Para Ver Mais Vídeos No Nosso Site CLIK AQUI E VEJA MAIS

segunda-feira, 31 de agosto de 2020

Diagnóstico e tratamento precoces melhoram qualidade de vida de pacientes com esclerose múltipla


Considerada uma doença rara, a esclerose múltipla acomete cerca de 35 mil pessoas no Brasil, segundo dados do Ministério da Saúde (MS). A jornalista Lara Falcão, 31, é parte deste grupo e realiza tratamento há nove anos no Hospital Geral de Fortaleza (HGF), da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), do Governo do Estado.

Apesar de ter uma doença, a jornalista conta que mantém uma vida normal e ativa. “Eu me sinto muito bem. Trabalho, estudo, faço atividades físicas e tenho momentos de lazer como qualquer pessoa”, complementa. A qualidade de vida de Lara é resultado do diagnóstico e do início do tratamento no Centro Interdisciplinar de Atendimento ao Paciente com Esclerose Múltipla do HGF. Ela descobriu a doença com apenas 22 anos após um episódio de incontinência urinária e fraqueza na perna esquerda.

Na época, a jornalista morava em Minas Gerais. Ao descobrir que existia tratamento especializado no HGF, em Fortaleza, Lara decidiu voltar a morar na capital cearense. O neurologista e coordenador do serviço no HGF, Artur D’Almeida, explica que Lara faz parte da faixa etária na qual a doença é mais recorrente. “Apesar de o nome remeter a pessoas idosas, os pacientes estão entre 15 e 50 anos, podendo atingir inclusive crianças. A maior incidência é em mulheres jovens, entre 30 e 40 anos”, alerta.



A esclerose múltipla é uma doença autoimune, na qual a pessoa tem ataques imunológicos contra a mielina, camada de gordura que reveste os neurônios especificamente no sistema nervoso central e no nervo óptico. O coordenador do Centro explica que a pessoa apresenta surtos periódicos devido às inflamações causadas pelo sistema imunológico. “Nesses surtos, sintomas diversos podem se apresentar, como embaçamento da visão, perda visual transitória, visão dupla, formigamento ou fraqueza muscular nos braços ou nas pernas e dormência, queimação ou paralisação do rosto”, acrescenta.

O neurologista Artur D’Almeida aproveita o Dia Nacional de Conscientização da Esclerose Múltipla, celebrado neste domingo, 30, para alertar população e profissionais de saúde. “Quanto mais cedo a doença for diagnosticada, melhor será a qualidade de vida desse paciente no futuro. Alguns especialistas, como ortopedistas, oftalmologistas e ginecologistas, precisam ficar bem atentos a possíveis sintomas e encaminhar o paciente para o neurologista o mais rápido possível”, acrescenta.

Lara Falcão faz o tratamento da Esclerose Múltipla no HGF desde 2011. Ela é atendida por uma equipe multiprofissional, composta por médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, psicólogo, terapeutas ocupacionais, nutricionista e dentista. “Eu sou acompanhada por vários profissionais que me dão suporte no controle da doença e também orientações sobre minha alimentação, sobre a realização de atividades físicas, tudo que eu preciso para ter uma ótima qualidade de vida”, conta.

O Centro Interdisciplinar de Atendimento ao Paciente com Esclerose Múltipla do Hospital Geral de Fortaleza acompanha, atualmente, 300 pacientes com a doença. O atendimento acontece às quarta-feiras, das 8h às 12h.

O Centro recebe novos pacientes por meio de encaminhamento de outras unidades da rede pública de saúde.

Por: Governo do Estado do Ceará.

Quatro mulheres que faziam viagem para comemorar primeiro emprego morrem em acidente de carro


Um acidente envolvendo um carro de passeio e uma carreta matou quatro mulheres na BR-304, em Santa Maria, no Rio Grande do Norte. A 70 quilômetros de Natal, as vítimas tinham entre 15 e 20 anos e estavam comemorando o primeiro emprego de uma delas.

De acordo com informações do G1, o motorista do caminhão contou que os veículos estavam em direções opostas – o caminhão seguia rumo a Mossoró e o carro no sentido de Natal. O acidente ocorreu quando o motorista do carro teria tentado realizar ultrapassagem.

O motorista do carro de passeio foi contratado por Evelin Raiane, 20, Maria Izabel, 17, Rayanni Silva, 17, e Isabel Medeiros, 15. Elas moravam na comunidade da Maísa, na zona rural de Mossoró, e viajam para Ponta Negra para comemorar durante o fim de semana a contratação de Evelin.

Maior navio a atracar no Porto do Pecém inicia exportação da safra de frutas


Um gigante de 330 metros de comprimento por 48 metros de largura prendeu a atenção de quem esteve no Porto do Pecém na manhã do último sábado (29). Procedente do porto de Salvador, o MSC Shuba B atracou no berço 10 do TMUT (Terminal de Múltiplas Utilidades) pouco depois das 11h30 da manhã para fazer história: se tornar o maior navio a já ter atracado no Pecém, desde que o porto cearense foi oficialmente inaugurado em março de 2002.

Com capacidade para 12.238 TEUs (unidade equivalente a um contêiner de 20 pés), o navio veio ao Ceará pela primeira vez para cumprir a rota do serviço NWC, operado pela MSC (Mediterranean Shipping Company) para conectar o Brasil ao norte da Europa.

“A chegada desse navio é motivo de orgulho para todo o time de profissionais do Porto do Pecém, principalmente para aqueles que estão conosco há muitos anos. Concluímos recentemente a obra do berço 10 para elevar nossa capacidade operacional e agora, pouco tempo depois, estamos ganhando a oportunidade de receber um gigante dos mares, um grande presente justamente no ano em que celebramos os 18 anos de operação do nosso terminal portuário. Assim, vamos seguindo a orientação do Governador Camilo Santana de transformar o Pecém no portão de entrada e saída de cargas para o nordeste brasileiro”, enfatiza Danilo Serpa, presidente do Complexo do Pecém.

“É muito gratificante ter acompanhado a evolução dos navios de contêineres no Porto do Pecém. Podemos citar alguns exemplos dessa evolução, como a nova geração de navios de cabotagem com tamanho variando entre 255m e 280m. Depois passamos a receber os navios de 300m e agora batemos um novo recorde com a chegada do MSC Shuba B e seus 330m de comprimento, o primeiro dos muitos gigantes que passarão a aportar em nosso Terminal”, celebra Waldir Sampaio, diretor Executivo de Operações do Complexo do Pecém.


Raio-X do MSC Shuba B

Bandeira: Portugal

Ano de Construção: 2017

Comprimento total (LOA): 330 metros

Largura (Boca): 48,2 metros

Capacidade: 12.238 TEUs

Tonelagem Bruta: 113112

O MSC Shuba B atracou no Porto do Pecém impulsionado pelo crescimento da fruticultura brasileira. Os melões oriundos do Rio Grande do Norte representam a maioria da carga movimentada pelo Pecém neste segmento. Mas também são escoadas pelo terminal portuário frutas, como manga e uva, produzidas no Ceará e na região do Vale do São Francisco, onde estão as cidades de Juazeiro da Bahia e Petrolina.

São, portanto, os estados do Rio Grande do Norte, Ceará, Bahia e Pernambuco que mais produzem frutas frescas para países como Estados Unidos, Holanda, Reino Unido e Espanha – hoje os países que mais recebem as frutas brasileiras exportadas através do Porto do Pecém. A expectativa para a safra desse ano é positiva e sinaliza um crescimento de pelo menos 30% em relação aos volumes alcançados em 2019.

“A MSC reforça o compromisso com o desenvolvimento da economia cearense. Estamos cientes da importância do produto brasileiro no mercado internacional. Por isso, pretendemos contribuir com a visibilidade e a promoção da fruticultura com um tempo de trânsito competitivo para os principais portos da Europa, proporcionando assim mais credibilidade e aceitação junto aos atuais e futuros mercados. Estamos orgulhosos e motivados por fazer parte da história do comércio exterior em nossa região”, afirma Daniel Soares, gerente da MSC Fortaleza.


Serviços de Exportação de Frutas saindo do Porto do Pecém

– Países do norte da Europa: serviço NWC via MSC

– Países do mar mediterrâneo: serviço WMED via MSC

– Estados Unidos: serviço TANGO via Hamburg Sud

A operação total do Shuba B no Pecém durou quase 24 horas e só no domingo (30) seguiu em direção, principalmente, a portos localizados no norte da Europa. O primeiro deles será o porto de Roterdã, onde o navio deve chegar até o dia 10 de setembro. Do porto holandês o Shuba B cumprirá o restante do serviço NWC para os seguintes portos da Europa: Londres/Inglaterra (14 dias); Bremerhaven/Alemanha (16 dias); Hamburgo/Alemanha (18 dias); Antuérpia/Bélgica (20 dias); Le Havre/França (22 dias); e Sines/Portugal (25 dias).

“Este é um momento divisor de águas para o Pecém. Estamos em uma busca constante pelo crescimento e novos desafios. Demos o primeiro passo e que venham tantos outros gigantes como o MSC Shuba B. Que a sua chegada traga também novas oportunidades para os nossos negócios e para a economia no Nordeste”, destaca o Diretor Commercial da APM Terminals Pecém, André Magalhães.

Por: Governo do Estado do Ceará.

Estudantes têm uma semana para se inscrever na Olimpíada de História


Termina no dia 7 de setembro o prazo para as inscrições na 12ª edição da Olimpíada Nacional em História do Brasil (ONHB). Podem se inscrever equipes de três estudantes do 8º e 9º anos do ensino fundamental e de todos os anos do ensino médio, com a orientação de um professor de escolas públicas e particulares.

Este ano, a olimpíada terá sete fases, com duração de uma semana cada, para os estudantes responderem as perguntas ou elaborarem as tarefas correspondentes. A plataforma da prova foi adaptada para facilitar a navegabilidade pelo celular e reduzir o uso de dados, com a possibilidade de realizar a prova offline e usar a internet apenas para enviar as respostas. A prova será mais enxuta, com três questões a menos, e a fase inicial ocorre entre os dias 6 e 12 de setembro.

A coordenadora da ONHB, Cristina Meneguello, explica que este ano a chamada “fase zero” terá um caráter experimental, para que os participantes treinem o novo formato, que precisou ser adaptado devido à pandemia da covid-19.

“Para viabilizar a ONHB neste ano, fizemos algumas mudanças pontuais e essenciais, como a substituição da final presencial para online e a adaptação da plataforma da prova para menor consumo de dados de internet. Sabemos que com a suspensão das aulas presenciais nas escolas há mais dificuldade dos alunos e professores se organizarem em equipes. No entanto, o que temos percebido é que nossos esforços de tornar a prova mais acessível e o engajamento dos participantes com a ONHB, não haverá impacto no número de inscritos”.

Realizada pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), a primeira edição da olimpíada ocorreu em 2009 e contou com 15 mil participantes. No ano passado, a competição reuniu 73 mil estudantes de todos os estados, divididos em 18,4 mil equipes. Por causa da pandemia, a competição será toda online, não havendo a prova presencial para os finalistas que normalmente é aplicada na Unicamp.

As fases são compostas por questões de múltipla escolha e uma tarefa que será corrigida por outros grupos de estudantes. Serão escolhidas 400 equipes finalistas, o dobro do usual, com distribuição de 20 medalhas de ouro, 30 de prata e 40 de bronze, que serão enviadas para as escolas. Este ano, a escolha dos medalhistas será feita por meio da avaliação da tarefa da fase 5 pelos elaboradores da ONHB. No ano passado, a tarefa resultou na publicação do dicionário biográfico Excluídos da História.

Cristina destaca que a competição é diferente da maioria das olimpíadas de ciências porque, ao invés de testar o que estudante já sabe, ela estimula que o participante busque o conhecimento.

“É um sistema de aprendizagem. A ONHB é muito exigente e não quer aferir se os estudantes já sabem, ela dá tempo para eles estudarem, perguntam para o professor, perguntam uns para os outros. Tem uma pergunta de uma coisa que ele nunca ouviu falar, não viu na escola. Mas do lado tem um texto, ele lê, se informa, pesquisa na internet e volta para responder. Nesse processo ele aprendeu história. Eu não estou muito interessada se ele já sabia, mas se ele aprendeu naquele momento, o nosso objetivo pedagógico é esse”.

A participação na ONHB possibilita também uma facilidade no acesso ao ensino superior no curso de História, da Unicamp, com a reserva de duas Vagas Olímpicas na graduação por meio da aplicação de uma Prova Individual Adicional dissertativa. Podem concorrer os estudantes de 2º ou 3º anos do ensino médio que tenham recebido medalha de ouro ou prata na 12ª ONHB e tenham participado da competição desde o início, já que há a possibilidade de substituições na equipe no decorrer da competição. O estudantes do 2º concorrem às vagas para ingressar em 2022.

A inscrição na ONHB tem o custo de R$ 58 por equipe de escolas públicas e R$ 118 por equipe de escolas particulares. No ano passado, participaram da competição 9.135 equipes de escolas públicas e 9.370 de escolas particulares. A última fase da ONHB 2020 será entre os dias 24 e 30 de outubro e a divulgação dos medalhistas está prevista para o dia 22 de novembro.

Por: Diário do Nordeste.

Ceará deve receber rajadas de ventos de até 60 km/h esta semana


Os ventos devem ficar mais fortes até a próxima quarta-feira (2) no Ceará. De acordo com a Marinha do Brasil, o estado pode ser atingido por rajadas que chegam a 60 km/h (33 nós). Segundo o Centro de Hidrografia da Marinha (CHM), isso ocorre devido à intensificação “dos ventos alísios” na faixa litorânea compreendida entre os estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Piauí e Maranhão.

O órgão alerta que os navegantes consultem as informações a respeito de possível mau tempo antes de sair para o mar. O mesmo cuidado também estende-se às comunidades de pesca e esporte e recreio, conforme a Marinha.

Durante o fim de semana, moradores da capital e do interior já relataram ocorrência de fortes ventos.

A previsão da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) é que a faixa litorânea do estado apresente ventos de até 50km/h durante a semana.
Fonte: G1 CE

Caseiro e filho são presos suspeitos de matar patrão com golpes de foice no Piauí


Um caseiro e seu filho foram presos na manhã deste domingo (30) suspeitos de matar o proprietário do sítio onde trabalhavam em Buriti dos Montes, distante a 240 km de Teresina. Francisco Hélio Cavalcante foi assassinado com golpes de faca e foice nesse sábado (29).

O pai e o filho foram encontrados escondidos na mata do sítio, onde também residiam. De acordo com o capitão João Cruz, da PM de Buriti dos Montes, além de matar o homem, os dois são suspeitos de ferir uma mulher identificada apenas como Silvana que estava na propriedade.

“O caseiro e o filho assassinaram com golpe de faca e foice o dono da propriedade, conhecida como Sítio de Cima, e feriram uma mulher. Ela foi levada para um hospital em Crateús (CE), mas o Francisco morreu ainda no local”, disse ao G1.

A polícia ainda não sabe a motivação do crime. Após serem presos, o caseiro e o filho foram levados para a Delegacia de Polícia Civil de Campo Maior. "A motivação ainda não sabemos, mas já estão presos. Eles serão conduzidos à delegacia para os procedimentos", informou o capitão.

Por: G1.

Sem mortes nas últimas 24h, Ceará chega a 214.375 casos de coronavírus e quase 190 mil recuperados


O Ceará chegou a 214.375 casos confirmados de Covid-19 desde o início da pandemia. São 189.190 pacientes recuperados no Estado e 8.382 mortes por complicações da doença. Os dados foram divulgados em boletim da plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), atualizado às 9h17min deste domingo, 30 de agosto (30/08).

Segundo a Sesa, nenhuma morte aconteceu nas últimas 24 horas. Já foram realizados 633.187 exames e há 88.320 casos em investigação. A letalidade da doença está em 3,9%.

Fortaleza concentra 46.657 casos confirmados de Covid-19 e 3.776 óbitos. A seguir, os municípios cearenses com mais casos confirmados são Juazeiro do Norte (14.078 casos e 258 óbitos), Sobral (11.227 casos e 295 óbitos), Maracanaú (6.320 casos e 236 óbitos) e Caucaia (5.562 casos e 329 óbitos).
Coronavírus: números do Ceará
88.320 casos em investigação
633.187 exames realizados
214.375 casos confirmados
8.382 óbitos
3,9% de taxa de letalidade
189.190 pessoas recuperadas

Nenhuma morte nas últimas 24 horas
Taxa de letalidade

Há uma diferença entre taxa de mortalidade e de letalidade de uma doença. A taxa de mortalidade se refere à quantidade de pessoas que morreram por uma doença em relação à população total de um lugar – seja uma cidade, estado, país, ou até mesmo o mundo inteiro.

Já a taxa de letalidade se refere à quantidade de pessoas que morreram por uma doença em relação à quantidade de infectados por ela.
Fonte: O Povo

Suspeito de estuprar a própria filha é preso em Tauá


Foi preso na sexta-feira (28), um homem suspeito de estuprar a própria filha de um ano e oito meses em Tauá. No ato da prisão, policiais cumpriam mandado de prisão preventiva por estupro de vulnerável. O indivíduo de 40 anos cometeu o crime no último domingo (23), na residência da família.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a Delegacia Regional de Tauá solicitou à Justiça um mandado de prisão após ter constatado os indícios do crime durante investigações. O homem, que já possuía antecedentes criminais por furto, foi preso no distrito de Sítio Viração, a cerca de 7 km da sede de Tauá.

Após ser capturado por agentes da Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), o suspeito foi encaminhado à delegacia, onde foram realizados os procedimentos criminais. Conforme o Código Penal, estupro de vulnerável tem pena prevista de oito a 15 anos de prisão. Para resguardar a identidade da criança, o nome do homem não será divulgado.


Fonte: O Povo Online.

Eventos só devem voltar com mais força no último trimestre


Autorizados a voltar a partir de 14 de setembro na Capital e em 43 municípios, os eventos só devem retomar com mais força no último trimestre do ano. Segundo a presidente do Sindicato das Empresas Organizadoras de Eventos e Afins do Estado do Ceará (Sindieventos), Circe Jane Teles, os protocolos exigidos e a limitação a 100 pessoas elevam os custos, reduzindo a demanda nesse primeiro momento.

Pequenos eventos sociais, como batizados e casamentos, serão os primeiros a retornarem assim que liberados, mas ainda em número reduzido. “Os corporativos vão ficar acontecendo de forma híbrida por um tempo, virtual e presencialmente. A partir de outubro ou novembro, quando a capacidade liberada estiver maior, é que essa agenda corporativa será maior, até porque são eventos que exigem um planejamento maior”, afirma.

Ela lembra que os custos devem aumentar principalmente para esse segmento, tendo em vista que, com o distanciamento de pelo menos 7 m² para cada participante, o espaço locado passará a comportar bem menos pessoas. Apesar disso, ela acredita que os valores a mais não devem ser repassados para o consumidor final. “Vai depender muito da gestão. Acredito que esse repasse não deva acontecer à primeira vista, pois a organização já sabe da adequação dos custos, já imaginam o aumento que devem ter e se continua viável a realização”.

“As empresas estão carentes desse recomeço, então estão pensando mais em como dirimir esses custos, mesmo que diminua o lucro, mas garantindo que o evento seja realizado e agrade ao público”, acrescenta Teles.

A presidente do Visite Ceará – Fortaleza Convention & Visitors Bureau, Ivana Bezerra, pondera que os eventos corporativos, como congressos e feiras, não são viáveis com a atual limitação de participantes. “Pelas nossas contas, em meados de outubro a gente já deve conseguir realizar eventos com até mil pessoas. Aí conseguimos fazer esses maiores. Se não me engano, já não temos mais nada agendado no Centro de Eventos do Ceará em outubro, ficando alguma coisa ainda em novembro e dezembro”, revela.

Mesmo com as exigências rígidas do protocolo de saúde estabelecido pelo Governo do Estado para o setor, ela comemora a autorização. Os protocolos irão realmente elevar os custos, mas sabemos que o momento exige”, ressalta.
Protocolos

Os pequenos eventos estão autorizados a serem realizados a partir de 14 de setembro nos municípios que já se encontram na fase 4 do Plano de Retomada Responsável das Atividades Econômicas e Comportamentais. Atualmente, 43 cidades estão contempladas.

Conforme o decreto publicado ontem (29), os eventos deverão ter um participante a cada 7m² no caso dos eventos sociais e corporativos e a um a cada 12m² para os esportivos e culturais. A organização ainda deverá garantir a presença de brigadistas circulando para evitar aglomerações.

As inscrições deverão ser prévias e 100% online. Alimentos só poderão ser servidos em porções individuais com auxílio de descartáveis. Também será permitida a presença de atrações musicais, desde que músicos cumpram o distanciamento de 2 metros.

O protocolo ainda exige que a organização guarde a lista com nome e contatos dos participantes por pelo menos um mês após a realização do evento. Em caso de algum participante vier a estar sob suspeita ou testar positivo par Covid-19, todos os demais participantes deverão ser contactados e informados para monitorar os sintomas.

Retorno dos eventos no Ceará ainda se dará com mais força no fim do ano. Eventos sociais apresentam tendência de volta mais rápida nesse primeiro momento, logo após a liberação, em 14 de setembro
Fonte: Diário do Nordeste

Anvisa permite teste clínico para tratar pneumonia causada por Covid


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou o início de testes clínicos para o uso da molécula M5049 para o tratamento de pacientes com pneumonia causada pela infecção de covid-19. A autorização, publicada no último dia 21, tem validade até o próximo dia 13 de novembro.

Segundo a empresa Merck, que desenvolverá a pesquisa, o objetivo do estudo é investigar se a utilização da M5049 pode impedir ou melhorar a resposta inflamatória em pacientes, infectados com a covid-19, com pneumonia e barrar a progressão para um quadro mais grave.

A pesquisa pretende avaliar ainda se a utilização bem-sucedida do medicamento experimental pode reduzir as complicações, incluindo sintomas respiratórios graves que geralmente precisam de intervenções médicas adicionais, como ventilação mecânica.

A princípio, a M5049 será investigada em um estudo controlado por placebo, nos Estados Unidos e no Brasil. “Além do tratamento padrão, que pode incluir tratamentos antivirais, os indivíduos receberão uma das duas doses de M5049 ou placebo. O objetivo é comparar a M5049 ao placebo com base nos resultados do paciente”, destacou a empresa, em nota.

Repórter Ceará – Agência Brasil.

Ambulante que teve carro de frutas derrubado por PM é preso por crime de 2019


Foi preso nessa sexta-feira, 28, o vendedor ambulante que teve o carrinho de frutas derrubado por um policial militar na quinta-feira, 27, no Bairro Floresta, em Fortaleza. Os policiais cumpriram um mandado de prisão por tentativa de homicídio. O crime ocorreu em dezembro de 2019 e o mandado foi determinado em abril deste ano.

“Ele é o terceiro preso do total de quatro pessoas, que foram indiciadas por participar da tentativa de homicídio contra um homem, no dia 11 de dezembro de 2019, em uma loja de som automotivo”, afirma a Secretaria da Segurança, em nota.

Ainda conforme a pasta, a vítima foi atingida por disparos de arma de fogo. “Em seguida, ele foi conduzido em estado grave para uma unidade de saúde na capital [Fortaleza], mas sobreviveu aos ferimentos.”

Conforme o secretário da Segurança, André Costa, João Vitor Silva Moreira, de 20 anos, além da tentativa de homicídio no ano passado, teve um mandado de apreensão prescrito por homicídio.

“João tinha mandado de apreensão prescrito por homicídio consumado, quando o corpo foi carbonizado num trilho em junho de 2017”, afirmou André Costa.

Entenda o caso

Nessa quinta-feira, 27, dois policiais militares foram afastados de suas funções após um policial ser filmado derrubando produtos e virando um carrinho usado pelo vendedor ambulante.

No vídeo gravado por uma testemunha é possível ver o policial militar chutando e jogando no chão as frutas que estavam no carrinho do vendedor ambulante. A Secretaria da Segurança não explicou a situação anterior ao vídeo e não revelou os motivos da ação do agente.

Repórter Ceará com informações do G1-CE.

Prorrogação do auxílio emergencial por mais 4 meses deve ser de R$ 300


O governo deve prorrogar o auxílio emergencial até dezembro deste ano, com quatro parcelas de R$ 300, valor defendido pelo presidente Jair Bolsonaro, segundo apurou o Estadão com fontes das alas política e econômica do governo.

O anúncio do Renda Brasil, programa social que substituirá o Bolsa Família ficará para um segundo momento para que o ministro da Economia, Paulo Guedes, tenha mais tempo para encontrar espaço para acomodar o novo gasto dentro do teto, que limita o avanço das despesas à inflação.

O presidente quer um plano que não inclua a revisão ou a extinção de outros benefícios, como o abono salarial, uma espécie de 14º salário pago a trabalhadores com carteira com salário até R$ 2.090 e que custa cerca de R$ 20 bilhões ao ano.

Repórter Ceará.

Polícia Federal cumpre 600 mandados em operação contra facção criminosa; Justiça bloqueia até R$ 252 milhões


A Polícia Federal (PF) coordena, na manhã desta segunda-feira (31), uma operação contra facção criminosa ligada ao tráfico de drogas. Foram bloqueados cerca de R$ 252 milhões em contas ligadas ao Primeiro Comando da Capital (PCC).

Investigação

As investigações apontam que 210 pessoas detidas em presídios federais recebiam auxílio mensal por terem alcançado cargos de alto escalão dentro da facção ou por terem realizado missões como a execução de servidores públicos.

Mandados

São cumpridos mais de 600 mandados em 19 estados e no Distrito Federal, 422 deles de prisão. Destes, 173 alvos já estavam presos.

Mais de mil policiais federais participam da ação.

Operação “Caixa Forte”

A operação “Caixa Forte” é realizada pela Força Integrada de Combate ao Crime Organizado de Minas Gerais (FICCO), coordenada pela PF e integrada por Polícia Civil de Minas Gerais, pela Polícia Rodoviária Federal, pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen) MG e pelo Depen Federal.

Além de membros do PCC, facção que surgiu dentro dos presídios de São Paulo, familiares e pessoas responsáveis pela lavagem de dinheiro e ocultação de patrimônio também são alvos da operação.

No estado de São Paulo, há 32 alvos de mandado de prisão, sendo um deles contra uma pessoa que já está detida.

Os alvos são investigados pelos crimes de participação em organização criminosa, associação com o tráfico de drogas e lavagem de dinheiro, cujas penas somadas podem chegar a 28 anos de prisão.

Por: Ceará Agora.

Alunos e instituições preparam retorno às atividades presenciais no Ceará


Os alunos do ensino infantil da rede particular ou matriculados em atividades extracurriculares, como cursos de idiomas, artes ou de informática, além dos participantes de estágios, voltam às atividades presenciais a partir de amanhã (1º). Esse retorno está previsto no decreto estadual número 33.730, publicado no último sábado (29), válido para a Capital, Região Metropolitana e municípios vizinhos que formam a região de saúde de Fortaleza, cinco meses após a suspensão das aulas presenciais em decorrência da pandemia. Com isso, além do material escolar já conhecido, os estudantes devem conviver com o uso de máscaras, álcool em gel, aferição da temperatura na entrada das unidades de ensino, distanciamento das cadeiras e redução na quantidade de membros por turma.

As salas de aulas que recebem crianças no ensino regular podem funcionar com até 30% da capacidade neste período. Ainda não foi definido quando os estudantes de escolas públicas retomam as aulas.

Já as atividades extracurriculares podem voltar em sua integralidade. No ensino superior, apenas as aulas práticas e os estágios foram liberados completamente.

Serviços de apoio à educação, como transporte escolar, aplicação de testes vocacionais e avaliações educacionais também podem ser retomados com 100% de sua capacidade. As cantinas ficam de fora dessa lista e, portanto, seguem fechadas. No entanto, as bibliotecas e os arquivos estão livres para funcionar com até 35% da capacidade de usuários.


O Estado deve manter comunicação com as empresas privadas de transporte escolar para acompanhar o cumprimento das normas e notificar casos suspeitos e confirmados dos usuários. O novo decreto traz a necessidade de orientação aos profissionais e alunos quanto às recomendações de prevenção no transporte residência-instituição.

"Para os que fazem uso de transporte escolar e ou coletivo, recomenda-se atentar para redução do número de pessoas por veículo, para o distanciamento obrigatório, o uso de máscara, a desinfecção do transporte e cumprimento das medidas de higiene estabelecidas no Protocolo Setorial 10", detalha o documento. Entre os procedimentos listados está a desinfecção dos veículos, no mínimo, três vezes ao dia e limitar a ocupação sem exceder a capacidade de passageiros sentados.

Expectativa

Com a falta de informações adaptadas para as crianças em idade escolar, e ciente da relevância deste conhecimento, o fisioterapeuta Sérgio Soares, 38, resolveu criar um guia com ilustrações para ensinar ao filho os procedimentos para evitar o contágio pelo novo coronavírus.

"Na escola, de vez em quando, eles falam que é importante usar máscara e álcool, mas não se fornece material didático que ensine de forma mais lúdica para que ele (o aluno) pudesse entender", explica o pai de Pedro, de oito anos, matriculado em uma escola particular no Infantil V.

Ele reforça com desenhos as recomendações básicas de não compartilhar objetos, manter o distanciamento, higienização das mãos e não tirar a máscara mesmo ao espirrar. Com a redução das taxas de contágio, Sérgio se sente tranquilo - "minha esposa nem tanto", pondera, mas reconhece a importância de que o filho acompanhe as aulas com os professores.

"Eu prefiro que ele volte o mais rápido para a escola porque já começa a escrever, desenvolver as letras, e o professor tem as técnicas que a gente não tem. Até pela sociabilização que é superimportante", acrescenta.

Apesar de o decreto também permitir o retorno de atividades presenciais nos reforços escolares, o empresário Alexandre Sales ainda não sabe quando isso irá ocorrer em seu estabelecimento. Isso porque foi permitida apenas a retomada da educação infantil, faixa etária para a qual seu negócio não disponibiliza serviços. Enquanto não há a volta de todos os estudantes, o reforço localizado no Bairro de Fátima já foi adaptado para a nova realidade sanitária.

"A gente já fez toda uma preparação porque trabalhamos num sistema de cabines individualizadas. Foi adicionada agora uma barreira de acrílico fixa. Não é algo que se vai tirar depois da pandemia porque provavelmente outros vírus virão. Já temos um totem com água e um sensor para que os alunos não toquem em nenhum botão a mais para abrir a porta", enumera Alexandre.

Outra ação pensada para o retorno das atividades presenciais no reforço é voltada para a hora da saída. Antes da Covid, era comum crianças e adolescentes ficarem conversando entre si enquanto os pais não chegavam para buscá-los. "É um local que a gente vai ter que tomar um cuidado a mais. Por isso, nessa área vai ter um distanciamento marcado como tem nos shoppings", exemplifica.

Saúde

Em nota, a Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (Sesa) informou que o retorno às aulas presenciais ocorrerá por fases a partir de análise e definição do Comitê do Plano de Retomada Responsável das Atividades Econômicas e Comportamentais. Conforme a Pasta, "os critérios de retorno e monitoramento seguirão as recomendações do decreto estadual, assim como ocorre em relação às outras atividades", completa a nota.

A Secretaria da Saúde ainda acrescentou que realizou treinamento de representantes de instituições de ensino particular, na última sexta-feira (28), para coleta dos exames que serão realizados pelas próprias escolas.

Foram fornecidos "insumos (kits de testes para Covid-19) e equipamentos de proteção individual para essas instituições". Segundo a Sesa, mais de 2,5 mil trabalhadores da rede privada em Fortaleza já realizaram teste para a doença.

O Diário do Nordeste tentou contatar o Sindicato de Autoescolas do Estado do Ceará (Sindfcfc's), o Sindicato de Transportadores de Escolares do Ceará (Setrece) e o Sindicato de Estabelecimentos de Educação e Ensino da Livre Iniciativa (Sinepe) a fim de entender como será o retorno e o que vem sendo feito pelas entidades com relação à prevenção ao coronavírus, mas não houve resposta até a conclusão da reportagem.

Por: Diário do Nordeste.

Iguatu: filho agride mãe com capacete



Ontem, 30/08/2020, por volta das 15h20min, a Polícia Militar foi informada via telefone de emergência 190, por uma solicitante, que relatava que na Rua Deocleciano Bezerra, 273, Bairro Areias II, Iguatu – CE, onde o seu genitor, a teria agredido utilizando-se de um capacete e em seguida arremessado uma cadeira que a teria atingido no pé esquerdo, fato este confirmado após a chegada ao local da VTR 10301, que se depararam com a vitima mancando e o acusado, que é seu genitor, visivelmente alterado.

A vítima afirmou ainda, que o seu genitor e agressor a ameaçou de morte, caso levasse o caso ao conhecimento das autoridades. Diante dos fatos o policiamento realizou a condução da vítima e do acusado até a Delegacia Regional de Polícia Civil, onde foram apresentados a autoridade policial competente, onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante em desfavor do acusado.


Por: Quartel do 10º BPM, Iguatu – CE.

Colisão frontal entre moto e bicicleta deixa um adolescente morto na BR-116, em Icó


Motociclista ficou gravemente ferido e foi socorrido para um hospital

Uma colisão frontal entre uma moto e uma bicicleta deixou um adolescente de 14 anos morto na BR-116, em Icó, a 365 km de Fortaleza. O caso aconteceu na noite deste domingo (30), por volta das 21h10.

Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), após a batida o jovem, que trafegava na bicicleta, morreu no local. Já o condutor da moto foi socorrido para um hospital da região em estado grave.

As causas do acidente vão ser investigadas pela polícia.

Por: Diário do Nordeste.

sexta-feira, 28 de agosto de 2020


Os convidados da próxima live solidária do projeto Sintonia do Bem prometem um encontro para reverenciar a cultura nordestina e a música brasileira. O poeta Bráulio Bessa e o músico Marcelo Jeneci apresentam-se ao vivo neste domingo (30/8), a partir das 18h, no canal do Sesc Ceará no Youtube. O show online vai arrecadar doações para os bancos de alimentos do Mesa Brasil Sesc.

Em um bate-papo ao vivo, Bráulio apresenta ao público histórias inspiradas em sua palestra-espetáculo “Poesia que Transforma”, na qual conta a sua trajetória, desde quando se descobriu poeta aos 14 anos em Alto Santo, cidade no interior do Ceará, até se tornar atração da televisão brasileira declamando seus cordéis no programa Encontro com Fátima Bernardes e ultrapassar 100 milhões de visualizações em seus vídeos.

O poeta, que hoje mostra a cultura nordestina para todo o Brasil, partiu do sonho de escrever um livro e ajudar o povo da sua cidade. Hoje tem dois livros publicados por uma das maiores editoras do País. Na live, além de contar seus próprios causos, Bráulio explica como a poesia transformou a vida de outras pessoas, que encontraram estímulo por meio de seus versos.

O bate-papo entre ele e Marcelo Jeneci vai costurar versos, canções e histórias sobre a vida dos dois. Uma delas é a do casamento de Bráulio, que escolheu a canção “Pra Sonhar”, composição de Jeneci, como trilha sonora para esse momento.

Na live deste domingo, a partir das 19h30, o público vai acompanhar este e outros sucessos da carreira do cantor, compositor e instrumentista paulistano que canta em sua casa, apresentando seu repertório ao som da sanfona e do teclado.

Além das conhecidas “Felicidade” e “Pra Sonhar”, Jeneci mostra canções do último álbum “Guaia”, trabalho em que buscou mostrar suas origens. Uma delas é o baião “Oxente”, composição em parceria com Chico César.

Nascido em São Paulo, Jeneci é filho e neto de nordestinos, seus avós migraram de Sairé, no agreste pernambucano para São Paulo. O artista conta que as referências culturais e sonoras de sua família, como as histórias da terra-natal e as músicas de Luiz Gongaza, fizeram parte do seu universo familiar e estão refletidas em seus três discos: Feito Pra Acabar, De Graça e Guaia.

“Ainda criança me vi pertencente a um universo específico dentro do vasto mundo.

O universo nordestino e agrestino, brasileiro. Um povo rico e sem moeda, que pra sair da pobreza, precisou, e muitas vezes precisa, deixar sua terra em busca de nutrição.

Assim foi a vida de minha avó Bia e de meu avô Iêié. Chegaram na capital paulistana com seu único filho meu pai, Manuel Jeneci. Nasci, cresci e me reconheci participante de uma saga ancestral. Sobre a força propositiva e relevante de um povo em rota migratória”, explica o cantor.

Sobre o Sintonia do Bem 

Lançado em abril de 2020 pelo Sesc Ceará, o projeto de lives solidárias com grandes artistas brasileiros já teve mais dois milhões e duzentos mil acessos até sua terceira edição. Waldonys, Jessier Quirino, Zizi Possi, Ana Carolina, Amelinha, Siba foram alguns dos convidados. Os shows online motivam doações para Mesa Brasil Sesc, programa de distribuição de alimentos realizado pelo Sesc Ceará há 19 anos e que atualmente atende cerca de cerca de 280 mil pessoas por meio de 430 instituições sociais cadastradas.

Serviço

Sintonia do Bem com Bráulio Bessa e Marcelo Jeneci

Data: 30 de agosto

Horário: a partir das 18h
Assista ao vivo do canal do Sesc no Youtube

Governador discute cooperações entre Ceará e EUA com embaixador norte-americano


As oportunidades e possíveis projetos entre Ceará e Estados Unidos da América foram pauta de reunião virtual na manhã desta quinta-feira (27) entre o Governador do Ceará, Camilo Santana, o Embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Todd Chapman, e a Cônsul para Assuntos Políticos e Econômicos do Consulado Geral dos Estados Unidos em Recife, Catherine Griffith.

Segundo o governador Camilo Santana, o Ceará tem relações bem consolidadas com os Estados Unidos, que são o principal parceiro comercial para as exportações e importações cearenses. E que essas relações têm muitas possibilidades de serem ampliadas para outras áreas. “Conversamos com o embaixador Todd Chapman e com a cônsul-geral Catherine Griffith sobre parcerias econômicas e também sobre cooperações nas áreas da saúde, da educação e da tecnologia da informação”, disse.

Da reunião, também participaram os secretários Cesar Ribeiro (Assuntos Internacionais); Dr. Cabeto Rodrigues (Saúde); Maia Júnior (Desenvolvimento Econômico e Trabalho) e Eliana Estrela (Educação).

Entre os assuntos, a reunião também abordou a relação bilateral entre EUA e o Estado do Ceará na área de comércio e investimentos; cooperações por meio de programas educacionais e no combate à Covid-19.


Ceará X EUA

Os Estados Unidos são o principal parceiro comercial do Ceará para o comércio exterior. Em 2019, os produtos originários do Ceará e comprados pelo país norte-americano totalizaram mais de US$ 1 bilhão, com market share de 44,3% das exportações totais do estado, com um crescimento de 15.4% em relação ao ano anterior. O Ceará exportou 314 variedades de produtos para os EUA, sendo o principal as placas de aço da Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP). Um total de 33 municípios cearenses exportaram para esse país, enquanto que 31 municípios importaram um total de 686 variedades de produtos.

Em 2019, os EUA também foram o principal parceiro de importações do Estado, com 29,8% de tudo comprado pelo Ceará. O fechamento do ano de 2019 apresenta os Estados Unidos com um market share de 53,6% do total importado pelo Ceará, consolidando o país como o principal parceiro comercial do estado. Os principais itens importados pelo Ceará foram combustíveis sólidos, hulha e outros óleos.

Já analisando as relações comerciais de janeiro a julho de 2020, é importante ressaltar que as exportações cearenses para os Estados Unidos tiveram uma queda, muito provavelmente em decorrência da pandemia e retração do mercado internacional.

Detran amplia mais serviços de habilitação para todo o Ceará



Tirar a carteira de motorista continua sendo uma meta perseguida por muitos cearenses e o Detran não tem poupado esforços para atender a todos com agilidade e conforto. Mas durante a pandemia provocada pelo Coronavírus, com a suspensão dos serviços presenciais do Detran, atendendo as recomendações das autoridades de saúde, os alunos precisaram esperar para que os testes voltassem a ser realizados com a devida segurança para a saúde de todos.

Em agosto, os testes foram retomados com várias medidas de proteção e já contabilizam mais de 2 mil exames práticos de direção e mais de 700 provas teóricas de legislação realizadas em menos de 20 dias. Além disso, para ampliar a oferta de vagas, os testes práticos passaram a ser realizados aos finais de semana, desde os dias 22 e 23 de agosto, e permanecerão até o final do mês de setembro, quando serão ofertadas 6.430 novas vagas para a capital cearense.



Com o avanço das cidades do interior do estado no Plano de Retomada Responsável das Atividades Econômicas e Comportamentais, criado pelo Governo do Ceará e regulamentado através de Decretos Estaduais, o Detran também avança, liberando as autoescolas de Baturité e Itapipoca para a realização de aulas práticas e previsão de testes teóricos e práticos de direção no mês de setembro.

Outra novidade é que a abertura de novos processos de habilitação que estava restrita somente a Fortaleza, foi ampliada para todo o estado, a partir desta quarta, 26 de agosto.

Também em função da pandemia, as aulas teóricas, ofertadas presencialmente pelas autoescolas, foram suspensas. Entretanto, através da Deliberação 189, do Contran – Conselho Nacional de Trânsito – foi possível regulamentar o ensino remoto para esta modalidade e, através de empresas que são monitoradas pelo Detran, já é possível a realização das aulas pelas autoescolas com segurança para que não haja fraudes no processo de aprendizagem.
Renovação de CNH



O serviço de renovação de CNH foi um dos mais procurados durante a suspensão das atividades do Detran-CE, mesmo com a Resolução 185, do Denatran, ainda em vigor, que prorrogou o prazo de validade das CNHs vencidas desde 19 de fevereiro de 2020 por tempo indeterminado. Parte dessa procura deve-se ao fato de muitos cidadãos que, antes da pandemia, não estavam dirigindo, pois usavam outros meios de transporte, e com a nova realidade, precisaram dirigir e perceberam que estavam com a CNH vencida em data anterior à coberta pela resolução.

Atento a este e outros fatores, o Detran-CE retomou, em 16 de junho, a oferta deste serviço que, necessariamente, precisa ser presencial, devido à realização de exames médicos e/ou psicológicos exigidos para a renovação. De lá para cá, foram 39.530 carteiras de motoristas renovadas em todo o Ceará. Atualmente, a renovação de CNH está disponível em 20 unidades de atendimento do Detran, sendo 5 em Fortaleza e 15 no interior do estado, sempre mediante agendamento através do site do órgão. E, além de renovar a habilitação, também foi ampliada a oferta de serviços com a adição ou mudança de categoria, imprescindível para aqueles que buscam, por exemplo, um novo emprego como moto entregadores (categoria A) ou motoristas de ônibus e caminhão (categoria D).
Segunda via da CNH

Outra necessidade comum dos cidadãos é a segunda via da CNH, solicitada em casos de perda, roubo ou extravio do documento. Antes da pandemia, este serviço também era realizado somente de forma presencial, entretanto, usando a tecnologia e sua base de dados, o Detran desenvolveu a solicitação da 2ª via da CNH totalmente pela Internet. E foi assim, sem sair de casa, que mais de 12 mil pessoas precisaram, solicitaram e receberam o seu novo documento. Da mesma forma, mais de 38 mil motoristas que estavam usando a PPD – Permissão Provisória para Dirigir – puderam solicitar pela Internet e receber em casa a sua CNH Definitiva, sem nenhuma necessidade de deslocamento a um posto do Detran-CE.

Estátua de Padre Cícero se torna patrimônio histórico e cultural do Ceará


Foi aprovado em plenária nesta quinta-feira (27), na Assembleia Legislativa (AL) do Ceará, o projeto de Lei que torna o monumento da Estátua do Padre Cícero no Horto, em Juazeiro do Norte, como patrimônio histórico e cultural do Ceará. Tramitado por intermédio do deputado Fernando Santana (PT), o concessão desta titulação deve celebrar o patrimônio como um dos principais em fator simbólico no Estado e no país, considerando o ponto turístico mais visitado da cidade como ícone do povo cearense.

O Projeto de Lei nº 628/2019 tramita desde o ano passado na AL, onde teve a oportunidade de nesta semana ser levado a discussão e apreciado pela casa, aprovou a estátua como um dos marcos do Ceará, agora reconhecida em âmbito histórico e cultural. O monumento, que deve completar 51 anos, foi inaugurado em 1º de novembro de 1969, encomendado pelo então prefeito Mauro Sampaio, através do artista plástico pernambucano Armando Lacerda. A obra possui 27 metros de altura e já foi o segundo maior monumento do país, sendo amplamente reconhecido junto a estátua do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro.

Grande parte do fluxo de turistas em Juazeiro do Norte se deve ao fato da existência da estátua, que junto ao Museu Vivo, apresenta a história do patriarca e também da formação do município através do padre cratense que fez história no sertão nordestino. Durante as diversas romarias em várias épocas do ano, estima-se que cerca de 2,5 milhões de pessoas visitem a cidade e, por consequência, o principal símbolo religioso do Cariri.

Por: Badalo.


Um peruano investigado por tráfico internacional de drogas e outros quatro chefes de uma organização criminosa estão entre os presos na operação "Aditum 3", deflagrada pela Polícia Civil na manhã desta quinta-feira (27) no Ceará. Cerca de 300 mandados de prisão e busca e apreensão foram cumpridos em 33 municípios do Estado. Durante as ações, que contam com a atuação de 350 agentes, a polícia apreendeu drogas e armas de fogo.

De acordo com Polícia Civil, um dos detidos é apontado como responsável por guardar as armas de fogo que abasteciam o grupo criminoso. A polícia afirma que o peruano e o outro homem fazem parte dos 41 alvos da operação que estavam em liberdade.

Conforme a polícia, além dessas prisões, também foram cumpridas 102 decisões judiciais no interior do sistema prisional cearense. Entre os recolhidos, 25 homens são suspeitos de ocupar chefias na organização. As equipes seguem nas ruas com o objetivo de cumprir os outros mandados em abertos.



Pelo menos 12 criminosos foram presos na capital até as 7h52. Os presos foram encaminhados ao Complexo de Delegacias Especializadas (Code). Conforme a polícia, os alvos respondem por crimes como tráficos de drogas, associação para o tráfico, lavagem de dinheiro e por integrar organização criminosa no Ceará.

Já em Iguatu, no interior do Estado, foram cumpridos três mandados, que resultaram em duas prisões e também apreensões de armas e drogas. Os detidos foram levados para a Delegacia Regional do município.

Conforme o delegado Fernando Menezes, diretor do Departamento Técnico Operacional da Polícia Civil, a operação dá continuidade as investigações que tiveram início há dois anos, sobre a atuação da organização criminosa. "Cada fase é uma nova apreensão de materiais, que vão ser utilizados para novas investigações ou complementação de investigações anteriores e, naturalmente, desbaratar toda atuação do crime organizado no Estado", afirma.

Segundo Fernando, durante os cumprimentos em Fortaleza a polícia apreendeu drogas, armas e aparelhos celulares, que serão encaminhados à Perícia Forense, para a extração de dados que irão auxiliar o trabalho dos agentes. "Esses dados já foram devidamente autorizado pelo Poder Judiciário, essa extração e, a partir daí, desencadearemos novas operações", disse.

A "Operação Aditum" é realizada pela Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), com o coordenação do Departamento Técnico Operacional (DTO).

Também participam da ação policiais civis dos departamentos de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), de Recuperação de Ativos (DRA), além dos departamentos de Polícia Judiciária da Capital (DPJC), Metropolitana (DPJM), do Interior Sul (DPJI-Sul), do Interior Norte (DPJI- Norte), de Proteção aos Grupos Vulneráveis (DPGV) e da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core).

Por: G1.

Justiça aceita denúncia contra 17 pessoas por morte do prefeito de Granjeiro, no Ceará


A Justiça Estadual aceitou denúncia contra 17 pessoas suspeitas de envolvimento no assassinato do prefeito da cidade de Granjeiro, no interior do Ceará, João Gregório Neto. A informação foi dada pelo Ministério Público do Ceará (MPCE), o qual afirmou que os suspeitos se tornaram réus no último dia 12 de agosto após "constatação da presença de todos os requisitos legais".

A Promotoria de Justiça da Comarca Vinculada de Granjeiro ofertou a denúncia depois de uma série de diligências criminais que estão sendo feitas pela Polícia Civil do Ceará (PCCE). O MPCE não divulgou o nome dos denunciados. O processo criminal está tramitando em segredo de Justiça.

Segundo o Ministério Público, apesar de a investigação ainda estar em processo, os promotores da Comarca avaliaram que já existem indícios suficientes de autoria e materialidade dos envolvidos no homicídio. Assim, o órgão solicitou que a Justiça dê um prazo para o encerramento das diligências que ainda estão pendentes.

Caso não seja possível, o MP requer que o Poder Judiciário admita que a Polícia Civil "apresente eventuais justificativas com pedido de prorrogação e previsão de encerramento dos atos de persecução".

Câmeras de segurança, o uso da tecnologia foram os principais elementos que levaram à prisão de Ticiano Tomé, eleito vice-prefeito de Granjeiro, no interior do Ceará, em 2016. Ele é acusado de mandar matar o prefeito eleito na mesma chapa, João Gregório, conhecido como João do Povo, para assumir a gestão do município. O pai de Ticiano Tomé e outras sete pessoas também foram presas suspeita de envolvimento no crime.

Após a morte de João do Povo, Ticiano assumiu a Prefeitura de Granjeiro e intimidava testemunhas para dificultar a apuração do caso, conforme a promotoria responsável pelo caso.

João do Povo foi assassinado a tiros em 24 de dezembro de 2019, enquanto fazia uma caminhada próximo à casa dele. "Ele recebeu algumas ameaças, inclusive foi alertado por amigos próximos que deveria tomar cuidado quanto a isso", afirmou o advogado da família de João, Igor César Rodrigues.

Três dias depois do crime, Ticiano assumiu a prefeitura.

O ex-presidente da Câmara de Granjeiro e atual prefeito da cidade, Luiz Márcio Pereira, diz que "não tem culpa" de assumir a gestão da cidade e trabalha para unir adversários político, no entanto, após o crime que chocou a cidade, ele admite ter medo por estar no cargo. "Eu fiquei um pouco com medo. Fazer caminhada, eu não vou mais. De jeito nenhum."

Câmeras de segurança e tecnologia

Na época do assassinato, testemunhas afirmaram que viram os criminosos fugindo em um veículo modelo Gol, de cor escura. Os investigadores descobriram então uma imagem de câmera segurança que mostra o veículo usado pelos autores dos disparos que mataram João do Povo.

Com uso da tecnologia e melhoramento da imagem, equipes da Secretaria da Segurança do Ceará descobriram que o carro utilizado na fuga era na verdade do modelo Polo. "Foi um fato até curioso porque o carro que participou foi um Polo, só que ele estava com a calota de um Gol", lembra Aloísio Lira, superintendente de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública.

A equipe de segurança decifrou parcialmente a placa do veículo, mas alguns caracteres não foram identificados devido à baixa qualidade da imagem. Os policiais passaram então a trabalhar com três hipóteses para a placa e vistoriaram carros modelo Polo com uma dessas identificações.

"Aí podemos monitorar quais eram os Polos que poderiam estar na região e acompanhar essa movimentação dentro desses veículos que possivelmente estavam envolvidos no delito", explica Lira.

Condenações na Justiça

Vicente Tomé foi prefeito de Granjeiro por duas vezes. Em 2014, a Justiça o condenou por desvios na saúde e na educação, e o tornou inelegível por seis anos. Foi Vicente quem indicou o filho Ticiano, que nunca tinha sido nem vereador, para ser vice na chapa de João do Povo.

"Embora o filho desse senhor fosse o vice-prefeito, ele queria tomar a frente de tudo, a ponto de querer uma mensalidade. E isso foi vetado pela vítima", diz o delegado.

A "mensalidade",segundo as investigações, seria um pagamento não oficial, uma espécie de salário pago com dinheiro desviado do caixa da prefeitura.

Com a morte do titular e prisão do vice-prefeito, o presidente da Câmara Municipal de Granjeiro, Luiz Márcio Pereira, é o atual prefeito da cidade. Questionado se Ticiano Tomé tentou influenciar os vereadores contra o prefeito João Gregório, ele confirma.

"Aconteceu [a tentativa de influência]. Simplesmente chegaram pessoas lá dizendo que ele oferecia alguma quantia pra gente formalizar alguma denúncia", diz o atual gestor.

João Gregório, o João do Povo, chegou a ser investigado pela Polícia Federal em 2018 por desvio de dinheiro. Não há nada comprovado contra ele até a data da publicação desta reportagem.

Nove presos



Em junho, foram presos Ticiano Tomé, atualmente sem partido, Vicente Tomé e mais 7 pessoas acusadas de participação na morte de João do Povo. A defesa dos dois políticos contesta as prisões e alega inocência.

"A defesa já buscou os meios legais, acredita na Justiça e acredita que, futuramente, nós teremos todos os meios de provas necessários a comprovar a nossa tese, a tese defensiva da não autoria intelectual dos nossos constituintes frente a esse bárbaro assassinato que ocorreu no município de Granjeiro", afirma o advogado de Ticiano, Luciano Alves Daniel.


Por: G1-CE.

OMS: testes populacionais amplos de covid-19 nem sempre são úteis


Testes de infecção por covid-19 e resultados rápidos são essenciais para controlar a pandemia, mas testes populacionais amplos nem sempre são úteis, disseram autoridades da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Maria Van Kerkhove, epidemiologista da OMS, afirmou que a agência da ONU recomenda que os casos suspeitos sejam testados, assim como seus contatos,se possível, mas que o foco deve ficar nas pessoas com sintomas.

Mike Ryan, chefe do Programa de Emergências da OMS, observou que amplos programas de testes populacionais absorvem grande quantidade de recursos.

Os comentários foram feitos depois que o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos afirmou esta semana que pessoas expostas à covid-19, não sintomáticas, podem não precisar ser testadas, surpreendendo médicos e políticos e gerando acusações de que a orientação tinha cunho político.

Por: Agência Brasil.

Dia Nacional de Combate ao Fumo traz alerta sobre tabagismo e covid-19


O tabagismo tem papel de destaque no agravamento da pandemia de covid-19 uma vez que fumantes parecem ser mais vulneráveis à infecção pelo novo coronavírus. Por esse motivo, o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca) escolheu como mote da campanha deste ano do Dia Nacional de Combate ao Fumo (29 de agosto) o tema Tabagismo e Coronavírus.

A psicóloga e representante da Divisão de Controle do Tabagismo do Inca, Vera Borges, ressaltou que as pesquisas mostram a contribuição do tabagismo para os casos de hipertensão, diabetes e cardiopatias, doenças pulmonares obstrutivas crônicas, acidentes vasculares cerebrais e câncer de pulmão. “Tudo isso se agrava no momento em que o mundo vive a pandemia da covid-19”, alertou.

Para ela, a questão do tabagismo no Brasil não se esgota na área de saúde e necessita da parceria de outros ministérios. Além disso, medidas legislativas e econômicas são fundamentais para alcançar o controle do tabaco.

O tabagismo - que é fator de risco para transmissão do vírus e para o desenvolvimento de formas mais graves de covid-19 - também é considerado uma pandemia pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

“A epidemia global do tabaco mata mais de 8 milhões de pessoas por ano por doenças crônicas não transmissíveis relacionadas ao seu consumo, das quais cerca de 1,2 milhão ocorre em não fumantes que morrem exatamente de doenças relacionadas ao tabagismo passivo", explicou a diretora-geral do Inca, Ana Cristina Pinho.

"Quase 80%, mais de 1 bilhão de fumantes em todo mundo, vivem em países de baixa e média renda, onde o peso da doença e mortes relacionadas ao tabaco é ainda maior”, completou durante seminário virtual promovido pelo instituto hoje.
Interferências

O pesquisador do Inca André Szklo destacou as interferências (no campo jurídico e político) e as estratégias de marketing usadas pela indústria do tabaco no Brasil para influenciar a sociedade.

Ele citou como exemplo a lei de proibição de fumo em recintos fechados, de 1996, que levou praticamente 20 anos para ser implementada em todos os municípios. “Isso não se deu por acaso, houve uma pressão na época da liberação da lei no ambiente político”, disse, acrescentando que o argumento, naquele momento, era de que seria preciso garantir os direitos iguais de quem queria ou não fumar nesses locais.

Para André Szklo é importante que, dentro da discussão da reforma tributária, voltada para a simplificação dos impostos, se garanta o aumento da carga tributária sobre o tabaco para aumentar o preço final do cigarro.
Números

O representante da Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS) Diogo Alves afirmou que ainda há no mundo mais de 1,3 bilhão de pessoas que fazem uso contínuo do tabaco. “Só no Brasil são mais de 22 milhões de pessoas. É um impacto muito forte não só para a saúde, mas também econômico”, afirmou.

“Temos hoje 40 milhões de usuários de tabaco na faixa etária entre 13 a 15 anos, que são, justamente, o alvo da indústria do tabaco. Por essa e outras questões é tão importante ter esse dia [Nacional de Combate ao Fumo] para trazer a conscientização para toda a população”, alertou Alves.

Por: Agência Brasil.

Criança prende as pernas em panela e bombeiros são chamados para remover o recipiente


Uma criança de dois anos que ficou presa dentro de uma panela de alumínio foi resgatada pelo Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE) na tarde desta quinta-feira (27). O caso aconteceu no bairro Mondubim, em Fortaleza. A corporação garantiu que a criança foi cuidadosamente retirada e recebeu os devidos cuidados.

O subtenente Orleans, comandante do socorro, comentou o caso. “As duas pernas da criança estavam presas uma sobre a outra dentro de uma panela de aproximadamente dez litros. Utilizamos um corta a frio e um alicate para recortarmos o alumínio da panela e liberamos as pernas e o corpo da criança. Tudo com muito cuidado para não machucá-lo”, declarou o subtenente.

A ação do CBMCE foi realizada por meio de uma guarnição de Busca e Salvamento 3 da 1ª Companhia do 2º Batalhão de Bombeiro Militar (1ª Cia/ 2º BBM), sediada em Maracanaú.

A Secretaria da Segurança Pública (SSPDS) revelou que a criança logo foi resgatada sem machucados aparentes, somente com um avermelhado em um dos pés, possivelmente por ter ficado algum tempo imóvel na mesma posição, obstruindo a circulação sanguínea. A guarnição de Busca e Salvamento 3, que atendeu a ocorrência, foi composta pelo subtenente Orleans, os sargentos Jefferson e Cipriano e o soldado David.

Criança de 2 anos morre afogado após cair em cisterna de casa de farinha em Salitre


Na manhã dessa quarta-feira, 26, um menino de dois anos morreu afogado após cair em um tanque de uma casa de farinha, no mesmo imóvel onde fica a casa da família, em Salitre, na Região Sul do Ceará.

Emanuel Lima Pereira brincava quando saiu em direção à cisterna e acabou caindo. Segundo familiares, a mãe da vítima trabalhava quando percebeu a ausência do filho. Ela saiu à procura do menino juntamente com um tio da criança, quando a encontraram dentro do tanque.

Em nota, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que Emanuel chegou a ser socorrido para uma unidade hospitalar, mas foi a óbito antes do atendimento médico. A Delegacia Municipal de Campo Sales apura as circunstâncias do afogamento.

Repórter Ceará com informações do Diário do Nordeste.

Caixa inicia amanhã Ciclo 2 de pagamentos do auxílio emergencial


A Caixa inicia nesta sexta-feira, 28, o Ciclo 2 de pagamentos das parcelas do Auxílio Emergencial. Os créditos começam pelos beneficiários nascidos em janeiro. Ao todo, cerca de 4 milhões de brasileiros vão receber o benefício e já poderão movimentar os recursos por meio do aplicativo Caixa Tem. Com ele é possível pagar boletos e fazer compras na internet e nas maquininhas em mais de 1 milhão de estabelecimentos comerciais.

Neste ciclo, também foram incluídos os trabalhadores que fizeram o cadastro nas agências dos Correios entre 2 de junho e 8 de julho e aqueles que fizeram a contestação pelo site da Caixa ou pelo aplicativo App Caixa | Auxilio Emergencial de 3 de julho a 16 de agosto e foram considerados elegíveis. Outro grupo é o de beneficiários que tenham recebido a primeira parcela em meses anteriores, mas tenham tido o pagamento reavaliado em agosto.

O calendário de pagamentos do Auxílio Emergencial é organizado em ciclos de crédito em conta Poupança Social Digital e saque em espécie. Os beneficiários recebem a parcela a que têm direito no período de acordo com o mês de nascimento.

Aqueles que tiveram os pagamentos retidos vão receber todas as parcelas a que têm direito de uma só vez, dentro do Ciclo 2, que começa nesta sexta-feira, 28, e vai até 27 de outubro.

Já os trabalhadores que optaram por realizar o cadastro nos Correios e aqueles que contestaram vão receber a primeira parcela também nesta sexta-feira, 28, dentro do Ciclo 2. As parcelas P2 e P3 serão pagas no Ciclo 3 e as parcelas P4 e P5, no Ciclo 4.

Até o momento, já foram pagos R$ 179 bilhões para 66,9 milhões de pessoas. Foram realizados 254,2 milhões de pagamentos. O site auxilio.caixa.gov.br recebeu 1,66 bilhão de visitas e a central exclusiva 111 registra cerca de 463 milhões de ligações.

O aplicativo Caixa|Auxílio Emergencial teve 115,4 milhões de downloads e o aplicativo Caixa Tem, para movimentação da poupança digital, ultrapassa 215 milhões de downloads.

Repórter Ceará – Agência Brasil (Foto: Marcelo Camargo)

Vídeo: Policial vira carrinho de frutas de vendedor ambulante em Fortaleza


Nesta quinta-feira, 27, dois policiais militares do Ceará foram afastados após um dos agentes ser filmado derrubando produtos e virando um carrinho usado por um vendedor ambulante para vender frutas. Além do policial filmado por uma testemunha, outro agente que estava no local também foi temporariamente retirado do cargo. O caso ocorreu no Bairro Floresta, em Fortaleza.

No vídeo gravado por uma testemunha é possível ver o policial militar chutando e jogando no chão as frutas que estavam no carrinho do vendedor ambulante. A SSPDS não explicou a situação anterior ao vídeo e não revelou os motivos da ação do agente.


O vendedor ambulante, identificado com João Vitor, se posicionou sobre o caso em uma rede social. Ele afirmou não ter ressentimento do policial, e agradeceu o apoio após o vídeo repercutir. “Muito obrigado pela ajuda de vocês, porque eu passei no dia de hoje algo que eu nunca mais quero passar”, disse João Vitor.

O secretário da Segurança Pública do Ceará, André Costa, afirmou que “o fato está sendo devidamente averiguado”.

Repórter Ceará.


O Brasil atingiu 118.649 mortes por Covid-19, com mais 984 óbitos incluídos na atualização informada pelo Ministério da Saúde às 18h30min de quinta-feira, 27 de agosto (27/08).

O número de novos óbitos em relação às 24 horas anteriores não significa necessariamente que essas mortes tenham todas ocorrido no intervalo de um dia, mas sim que foram confirmadas e computadas nesse período.

O País também contabilizou 44.235 novos casos do novo coronavírus. Atingiu assim 3.761.391 de casos de Covid-19. Desses, 2.947.250 de pacientes se recuperaram. A letalidade é de 3,2%.
Fonte: O Povo.

Hospitais do interior usam tecnologia para tratamento de Covid-19


Na pandemia de coronavírus, a Síndrome Respiratória Aguda (SRAG) tornou-se uma das principais complicações apresentadas por pessoas com Covid-19. O Hospital Regional Norte (HRN) e o Hospital Regional do Sertão Central (HRSC), unidades da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa), do Governo do Estado, conseguem, por meio da tecnologia, amenizar o desconforto de pacientes com insuficiência respiratória. O tratamento é feito a partir da utilização da máscara de ventilação não invasiva (VNI).

“Utilizamos a ventilação mecânica não invasiva, na qual fazemos a ventilação pulmonar com pressão positiva através dessas máscaras, sem precisar intubar os pacientes. Com as máscaras, eles não precisam ficar sedados, estão todo tempo conscientes, orientados e colaborativos com a equipe de cuidados”, explica a coordenadora médica da UTI Adulto do HRN, Melissa Parente.

No HRN, a tecnologia começou a ser utilizada em junho deste ano. Por mês, são beneficiados, em média, 50 pacientes. Já no HRSC, o uso do equipamento teve início em agosto, sendo utilizado em 22 pacientes.

“O uso da ventilação não invasiva é recomendado para pacientes que apresentam desconforto respiratório e piora da oxigenação”, acrescenta o coordenador de fisioterapia do HRSC, Décio Fernandes.

A agricultora Beatriz Amorim Garcia, 19 anos, esteve internada no HRSC neste mês e apresentou melhora após usar a máscara.

“Foi muito bom. Depois que eu comecei a usar não senti mais falta de ar. Fiquei respirando tão bem que parece que nunca senti falta de ar”, relata.

As equipes de fisioterapia seguem critérios específicos para dar início à terapia com a máscara e amenizar o desconforto respiratório e melhorar os níveis de oxigenação dos pacientes. Caso o equipamento não consiga reverter o quadro de saúde ruim, os profissionais avaliam qual o tratamento mais adequado.

Diagnosticado com Covid-19, o oficial de cozinha Wellington de Aguiar Mota, 39, sentiu, inicialmente, sintomas como febre, dor no corpo, cansaço e insuficiência respiratória. O paciente passou 20 dias internado no HRN, sendo 16 em um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde foi submetido à VNI.

“Eu sentia muito conforto quando usava a máscara, não precisei ficar desacordado e a equipe me explicou que eu me recuperaria mais rápido”, ressalta.

Com informação do Governo do Estado do Ceará.

quinta-feira, 27 de agosto de 2020

Projeto Paulo Freire: 88% dos beneficiários aumentaram produção e 57% obtiveram melhores preços


Dos beneficiários atendidos pelo Paulo Freire, 88% relatam aumento da própria produção agrícola e 57% obtiveram adição no valor dos produtos desde o início do projeto. Além disso, 97% das famílias revelam terem adotado insumos, práticas ou tecnologias sociais e 68% registraram aumento das vendas a partir da iniciativa encabeçada pela Secretaria do Desenvolvimento Agrário. Os números são de uma pesquisa realizada à distância pelo PPF durante o período da pandemia da Covid-19.

No total, foram aplicados 1.753 questionários entre o final de maio e o início de junho com o apoio das entidades que prestam Assistência Técnica Contínua nos territórios dos Sertões de Sobral, Crateús/ Inhamuns e Cariri Oeste. Sobre o aumento da renda familiar, 50% dos beneficiários afirmam terem aumentado um pouco a renda, 21% declararam por questionário terem aumentado e 2% dobrado. Para 26%, a renda não sofreu mudança e 1% declaram que a renda diminuiu.

“Em decorrência da prevenção à pandemia, não podemos visitar as comunidades, então procuramos uma maneira de estarmos com essas famílias nesse momento tão difícil”, explica Íris Tavares, coordenadora do Paulo Freire. “Foi então que pensamos nos telefones celulares como esse suporte, uma vez que todos os agricultores possuem um, ou acesso a algum na própria família ou na comunidade”, completa sobre a experiência de aplicação do questionário pelo Google Forms.

A necessidade de isolamento social é uma das preocupações do projeto que, mesmo com uma melhor segurança alimentar e nutricional, viu as vendas diminuírem. Com a pandemia, as famílias atendidas pelo Paulo Freire sofreram um impacto financeiro de R$ 30 por semana, ou R$ 120 por mês. A expectativa é que, com a entrega de novos insumos pelo projeto, o prejuízo seja logo revertido e que o estímulo ao comércio virtual possa funcionar na conquista de novos clientes.

Por: Governo do Estado do Ceará.