Para Ver Mais Vídeos No Nosso Site CLIK AQUI E VEJA MAIS

terça-feira, 21 de julho de 2020

Governador envia projeto de lei à Assembleia para criação de auxílio a catadores de materiais recicláveis

Caso aprovado, o projeto de lei estipula uma ajuda mensal de 25% do valor de um salário mínimo. Conselho de Ex-governadores é criado
O Governo do Ceará espera, em breve, dar início a mais uma ajuda social. Nesta segunda-feira (20), o governador Camilo Santana encaminhou à Assembleia Legislativa projeto de lei para a criação de um auxílio mensal para catadores de materiais recicláveis. Em caso de aprovação pelo Poder Legislativo, o governador destacou, em transmissão pelas redes sociais, que a ajuda será de 25% de um salário mínimo.
“Enviei mais uma ação de apoio social para Assembleia Legislativa que deverá está sendo avaliada e votada esta semana, que é o auxílio-catador, para aqueles profissionais que trabalham com coleta seletiva de resíduos sólidos em todo o Ceará. Muitas famílias vivem dessa atividade. Esperamos atender a centenas de milhares de trabalhadores nessa área importante. O auxílio vai representar algo entorno de 1/4 de salário mínimo por mês. Espero que esse projeto de lei seja aprovado o mais rápido para que a gente possa colocar em execução”, disse Camilo. O trabalho será executado junto com a Secretaria do Meio Ambiente do Ceará.
O chefe do Executivo estadual também comentou que sancionou hoje a lei que cria o Conselho de Ex-governadores do Estado. “É uma ação pioneira no Brasil. Um conselho que não tem remuneração e deverá se reunir cerca de duas vezes por ano para discutir o futuro e os desafios que temos no Ceará. Isso mostra a importância de colocarmos o Estado acima da política, ideologias e diferenças” falou. Além do atual gestor, compõem o colegiado os ex-governadores Ciro Gomes, Cid Gomes, Tasso Jereissati, Gonzaga Mota, Adauto Bezerra, Lúcio Alcântara e Chico Aguiar.

Coronavírus

Camilo Santana aproveitou o espaço de diálogo com a população para atualizar sobre a situação das cinco macrorregiões de saúde no Plano de Retomada Responsável das Atividades Econômicas e Comportamentais. “A macrorregião do Cariri se encontra ainda na fase de transição. É uma região que tem aumentado o número de casos, mas já há uma tendência de estabilização e de queda para as próximas semanas, por isso que cinco cidades de grande porte – Juazeiro do Norte, Crato, Barbalha, Brejo Santo e Iguatu – estão em isolamento rígido. Na fase 1 do plano de retomada se encontram as regiões do Sertão Central e do Litoral Leste/Jaguaribe. A macrorregião Norte passou para a fase 1 esta semana. A macrorregião de Fortaleza passou para a fase 3. E Fortaleza passou para a fase 4, que era a última fase do plano de retomada”, disse.
Em Fortaleza, algumas atividades previstas inicialmente para retornarem na atual fase tiveram que ter a volta adiada por decisão do Comitê Científico, contudo, reuniões com os setores já estão ocorrendo para discutir o novo planejamento. “Algumas atividades foram retiradas da quarta fase e já estão sendo reavaliadas. Estamos fazendo isso com muito critério e responsabilidade. Quem toma todas as decisões é um comitê formado por cientistas, especialistas da saúde, representantes do Ministério Público, Tribunal de Justiça, Assembleia Legislativa” reforçou o governador.

Novo drive-thru de testagens

Mesmo com indicadores mais animadores, o Governo do Ceará continua trabalhando na ampliação das atividades de atendimento da população. Na Capital, passou a funcionar essa semana um novo drive-thru de testagem, no Shopping Riomar Kennedy com 150 testes diários. Um serviço do tipo já está funcionando no HGF (Hospital Geral de Fortaleza). O agendamento pode ser feito pelo aplicativo Ceará App. Já a remessa de equipamentos de proteção individual, insumos e respiradores que chegou recentemente também já está sendo distribuída com as unidades de saúde de diversos municípios.
Para finalizar, Camilo Santana reforçou a importância das pessoas continuarem com os cuidados necessários para se proteger do coronavírus. “Nós ainda não voltamos à normalidade. Está tendo o crescimento da doença em alguns lugares do mundo e nós não desejamos ter aqui no Ceará. Portanto, a prevenção é fundamental: lavar as mãos, manter o distanciamento, evitar aglomerações e usar obrigatoriamente a máscara” aconselhou o governador.
Por: Governo do Estado do Ceará.

0 comentários:

Postar um comentário